Assim como o cinema, os games conseguem recriar realidades alternativas e imersivas que transportam o jogador para dentro daquele universo. Isso vale tanto para locais fictícios quanto para representações de cidades reais. Um dos temas mais abordados é o mundo pós-apocalíptico, que tem inspirado grandes produções na cultura pop de maneira geral. A seguir, você irá conhecer games para o PlayStation que retratam versões devastadas de cidades reais.

The Last of Us Part I – Estados Unidos

E que tal uma road trip por uma América totalmente devastada? No recém-lançado The Last of Part I para PS5, o jogador poderá experimentar a melhor versão de um clássico lançado originalmente para PS3. Após um fungo mortal transformar a humanidade em criaturas hostis, os poucos sobreviventes se refugiaram no que sobrou das grandes cidades e vivem sob Lei Marcial.

Os protagonistas, Joel e Ellie, embarcam em uma viagem para tentar sobreviver e encontrar a cura para a doença. No caminho, eles passam por cidades como Boston, Travis County, Pittsburgh e Salt Lake City, novamente mostrando a simbiose entre beleza e devastação, num mundo em que a natureza retoma seu protagonismo.

Vale a pena conferir também The Last of Us Part II, o jogo mais premiado da história dos games e que mostra com impressionante fidelidade uma Seattle totalmente em ruínas.

Horizon Forbidden West – Las Vegas e São Francisco

Em um mundo onde máquinas substituem os animais tradicionais e a humanidade volta a viver de forma tribal, a natureza acaba tomando conta das ruínas do mundo antigo. Em Horizon Forbidden West, o jogador desbrava o que um dia já foi conhecido como a Califórnia e Nevada, passando por locais turísticos famosos que na história do jogo acabam sendo rebatizados.

Las Vegas, popularmente conhecida como a “Cidade do Pecado”, retorna ao seu estado de grande deserto, mas dessa vez com imensas ruínas dos prédios do que já foi um dos locais mais badalados do mundo. Outro ponto famoso é São Francisco, que no jogo volta a ser uma ilha paradisíaca em meio ao que sobrou do velho mundo.

Franquia Metro – Moscou

Baseada nos romances de Dmitry Glukhovsky, Metro é um survival horror em primeira pessoa que se passa na Rússia. A terra foi dizimada por uma guerra nuclear e os sobreviventes se abrigaram nos metrôs de Moscou para sobreviver e enfrentam terríveis criaturas com mutações causadas pela radiação.

A franquia já conta com três jogos lançados, Metro 233, Metro: Last Night e Metro Exodus, e os últimos permitem uma exploração maior da cidade, saindo do tradicional subsolo. Nos jogos, é possível encontrar grandes pontos turísticos dizimados, como o Teatro Bolshoi, a Catedral de São Basílio e a famosa Praça Vermelhas.

The Division – Nova York

Após um surto pandêmico de varíola, a humanidade enfrenta um período de caos. Cabe ao jogador que faz parte de um grupo de elite chamado de “Strategic Homeland Division” reestabelecer a ordem e descobrir a origem do vírus. Além dos tiroteios contra os inimigos, o game possibilita explorar a ilha de Manhattan como nunca antes. O jogo ainda contempla um pequeno trecho na região do Brooklyn.

Fallout 4 – Boston

Uma série de conflitos por recursos acabou levando a uma devastadora guerra entre China e EUA. É nesse cenário bélico no ano de 2077 que se passa a história da série Fallout. No quarto jogo da franquia nós jogamos em Boston, capital do estado de Massachusetts, e podemos fazer um tour por diversos pontos turísticos dizimados, como o Jardim Público, a Trilha da Liberdade, o Túmulo de Franklin e outros.

Call of Duty 4: Modern Warfare – Pripyat

A série Call of Duty já é famosa por criar histórias criativas para fazer o mundo entrar em guerra, e no quarto jogo da série, Modern Warfare, não foi diferente. Conflitos no Oriente Médio e na Rússia acabam sendo a motivação dos soldados americanos tentarem impedir uma terceira guerra mundial. Porém, o interessante aqui é que o jogo se passa em diversos cenários, em especial a cidade de Pripyat, na Ucrânia.

O local virou manchete no mundo todo em 1986 quando ocorreu o acidente nuclear na usina de Chernobyl. Todos os bairros foram evacuados às pressas e a metrópole se tornou uma cidade fantasma devido aos altos níveis de radiação.

Spec Ops: The Line – Dubai

Em Spec Ops: The Line o jogador encara a missão do Capitão Martin Walker de salvar um coronel do exército americano, mas com um detalhe: em meio às tempestades de areia de Dubai. No jogo, o país foi devastado por esses desastres naturais e restaram apenas poucos sobreviventes. Graças a uma mecânica presente no game, os prédios luxuosos são invadidos pelo deserto de maneira aleatória e cabe ao jogador bolar a melhor estratégia para avançar. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui