[vc_tta_tabs style=”modern” color=”black” active_section=”1″ no_fill_content_area=”true”][vc_tta_section title=”Notícias/Artigos” tab_id=”noticias”]
Azul é a Cor Mais Quente

Empresas Nacionais se negam a lançar o Blu-ray de ‘Azul é a Cor Mais...

A distribuidora do filme, Imovision, revelou que está encontrando dificuldades para lançar o Blu-ray de Azul é a Cor Mais Quente. Depois das dificuldades encontradas para...
Azul é a Cor Mais Quente

Crítica: Azul é a Cor Mais Quente

Vencedor do festival de Cannes, Azul é a Cor Mais Quente (La Vie d'Adèle) é uma linda história de amor baseada nos quadrinhos Le Bleu...
[/vc_tta_section][vc_tta_section title=”Crítica” tab_id=”critica”][vc_wp_text title=”Azul é a Cor Mais Quente- Uma linda representação do amor entre pessoas do mesmo sexo”]Vencedor do festival de Cannes, Azul é a Cor Mais Quente (La Vie d’Adèle) é uma linda história de amor baseada nos quadrinhoLe Bleu est une Couleur Chaude, de 2010, escrito e desenhado por Julie Maroh.

A trama apresenta Adéle (Adèle Exarchopoulos), uma adolescente que está descobrindo sua sexualidade. Após um relacionamento morno com Thomas (Jérémie Laheurte), acaba se apaixonando por Emma (Léa Seydoux). O longa retrata como Adéle lida ao descobrir esses sentimentos, enquanto mostra a reação dos conhecidos em relação a essa novidade.

Mesmo simples, o longa é cheio de polêmicas. Para começar, o óbvio: amor lésbico. É de se imaginar que em pleno 2013 as pessoas iriam começar a aceitar melhor as diferenças porém as críticas atacando a obra francesa provam que o ser humano ainda tem muito o que evoluir.

O sempre polêmico sexo também dá o que falar no filme. As longas cenas de sexo geraram um rebuliço na crítica, por conta da sua extensão e por ser extremamente explicitas. Destaque para a cena que mostra a relação entre Adéle e Emma, que é bem longa e explícita, cerca de 6 minutos de duração. Realmente é um pouco constrangedor para a maioria do publico. Entretanto, isso foi um ato pensado, já que a cena que mostra a relação sexua com Thomas é bem mais curta e fria, enquanto a das mulheres demonstra muito mais paixão e ajuda a destacar a diferença na intensidade do amor.

Veja a crítica completa[/vc_wp_text][/vc_tta_section][vc_tta_section title=”Imagens” tab_id=”imagens”][vc_gallery interval=”0″ images=”32601,32600,32599,32598,32597,32596,32595,32594,32593″ img_size=”full”][/vc_tta_section][vc_tta_section title=”Vídeos” tab_id=”videos”]

[/vc_tta_section][/vc_tta_tabs]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui