Ontem aconteceu mais uma edição do BRIT Awards, a maior premiação de música lá do Reino Unido. E entre uma performance e outra, artistas foram homenageados e premiados, é claro. Teve Little Mix, David Bowie, Adele, Katy Perry, Bruno Mars e muito mais. Saiba tudo o que aconteceu e confira também, a lista de todos os vencedores.

 

O novo design do troféu da edição 2017 | Fonte/Reprodução: The BRIT Awards 2017

Quem abriu a edição desse ano foi o Little Mix com uma performance no estilo futurista com Shout Out to my Ex, canção que concorria na categoria “single britânico” e que levou o prêmio! Aliás, esse foi o primeiro BRIT que o grupo ganhou.

David Bowie repetiu o feito do Grammy da semana passada e levou dois prêmios póstumos nas categorias “artista britânico” e “álbum britânico”. O ator Michael C. Hall da série Dexter, recebeu o primeiro troféu em nome de Bowie. Duncan Jones, filho do cantor, recebeu o segundo, que na ocasião, honrou a memória do pai. “Meu pai sempre esteve lá para pessoas que são um pouco estranhas ou diferentes”, disse.

George Michael, cantor que também nos deixou no ano passado, foi homenageado por Andrew Ridgeley da banda Wham!, a qual George fez parte antes da carreira solo. Quem também prestou suas homenagens ao cantor, foram as backing vocals Helen DeMacque e Shirlie Holliman. Chris Martin, vocalista do Coldplay, cantou A Different Corner em memória do cantor.

Por falar em Coldplay… durante a exibição do BRIT, a parceria entre o grupo e a dupla The Chainsmokers foi firmada. Eles se apresentaram de surpresa pela primeira vez, o single Something Just Like This e foi um dos pontos altos da premiação.

Esse ano, a cerimônia foi transmitida pelo YouTube e alguns vídeos de performances e discursos dos vencedores, já podem ser vistos no site. Quem também venceu a categoria de “clipe britânico” foi o One Direction com a canção History. O grupo que por enquanto deu uma pausa na carreira, foi representado por Liam Payne, um dos integrantes, que recebeu o prêmio. “One Direction é quem somos e quem sempre seremos”, agradeceu.

Katy Perry se apresentou com o seu hit ativista Chained to the Rythm com direito a um cenário composto por casinhas que dançavam durante o refrão e dois cadáveres cenográficos, um representando o atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump e o outro, a primeira ministra do Reino Unido, Theresa May. Ousada!

Bruno Mars cantou That’s What I Like, Emeli Sandé que venceu a categoria “artista britânica”, cantou seu single Hurts e Ed Sheeran cantou Castle on the Hill e em seguida, Shape of You junto com o rapper Stormzy. A banda The 1975 também se apresentou com a canção The Sound e ganhou o prêmio de “grupo britânico”

 

Adele foi premiada na categoria “ícone global” – a mulher está com tudo, minha gente! E mesmo não podendo comparecer à cerimônia, gravou uma mensagem agradecendo a todos que a elegeram na categoria. Beyoncé ganhou o prêmio de “artista estrangeira” e para encerrar a noite na terra da rainha, o BRIT Awards homenageou o cantor Robbie Williams, que recebeu o prêmio intitulado “ícone” – Robbie é o maior vencedor da premiação desde que o evento foi criado e o mesmo marcou presença e cantou um medley das canções do “Heavy Entertainment Show”, seu mais novo trabalho.

Confira a lista completa de vencedores!

ARTISTA BRITÂNICO
David Bowie

ARTISTA BRITÂNICA
Emeli Sandé

GRUPO BRITÂNICO
The 1975

REVELAÇÃO BRITÂNICA
Rag n’Bone Man

SINGLE BRITÂNICO
Little Mix – “Shout Out to My Ex”

ÁLBUM BRITÂNICO
David Bowie – “Blackstar”

CLIPE BRITÂNICO
One Direction – “History”

ARTISTA ESTRANGEIRO
Drake

ARTISTA ESTRANGEIRA
Beyoncé

GRUPO INTERNACIONAL
A Tribe Called Quest

ÍCONE GLOBAL
Adele

É isso, minha gente! Ano que vem tem mais.

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here