Todos os anos, ocorrem os upfronts, eventos semanais de apresentações da grade de programação de determinados canais abertos para a próxima temporada, lá nos Estados Unidos. Como já noticiamos aqui no Thunder, o canal The CW já confirmou suas renovações. Mas, nem só de renovações vivem as emissoras de TV.

Na última semana, a guilhotina passou real e oficial nos grandes estúdios e emissoras de TV americanos. Do tipo sem dó nem piedade, séries que ninguém esperava, foram canceladas. Só nas primeiras vinte e quatro horas, foram cerca de vinte cancelamentos, quase quase que uma série por hora e o objetivo, é abrir espaço para outras novidades.

Na Fox, títulos como The Mick, The Last Man on Earth e The Exorcist, baseado no clássico do cinema e protagonizado pelo ator mexicano e ex-RDB Alfonso Herrera, não ganharam uma terceira temporada. A série Lucifer foi a que mais chocou os fãs (os chamados lucifans). Depois de receber o status de cancelamento após a terceira temporada, os fãs resolveram realizar um abaixo-assinado para que outras emissoras ou plataformas digitais, continuassem com a produção, mas até o momento, a comoção popular não surtiu muito efeito.

O ator Tom Ellis protagonizou Lúcifer, no seriado homônimo | Foto/Reprodução: Fox

O contrário de Brooklyn Nine-Nine, também da Fox. A série que havia sido cancelada, fora resgatada pela NBC. A emissora levou a melhor na disputa com os streamings Hulu (que pelo amor de Deus, vem pro Brasil!) e Netflix e o TBS Channel. Dana Walden, CEO da Fox, comemorou que o sitcom policial tenha ganhado “nova casa”, afirmando que já era esperado que a série tomasse esses rumos. “Nós estamos muito felizes por todo o time da série“, disse em uma coletiva de imprensa para upfronts.

Dana relatou também, que uma série de motivos levaram para que B99 fosse cancelada, entre os quais, a aquisição do Thursday Night Football, programa esportivo que transmite partidas de futebol americano. “Não havia um lugar correto para agendar a série na programação“, declarou a CEO, que ressaltou que o novo programa esportivo, entrou no horário da série criada por Michael Shur.

As noites dominicais também foram cogitadas para que Brooklyn Nine-Nine continuasse em exibição, haja vista o bom desempenho que a produção obteve quando passou de quinta para domingo, mas Walden optou por dar lugar a série de animação Bob’s Burgers. “Nós não tínhamos um lugar para agendar a série esse ano. A sitcom teve uma performance melhor no domingo, mas queríamos dar esse horário para Bob’s Burgers como uma oportunidade de crescimento“, finalizou Dana Walden.

A série Brooklyn NIne-Nine, antes Fox, fora cancelada pela antiga emissora e resgatada pela NBC | Foto/Reprodução: Fox/Internet

No ABC Studios, os sete anos de Scandal, protagonizado pela atriz Kerry Washington, chegaram ao fim com chave de ouro, com direito a episódio crossover com How to Get Away With Murder e a participação de Viola Davis na pele da advogada criminalista Annalise Keating. Once Upon a Time, The Middle, The Mayor, Ten Days in the Valley, Alex Inc., Deception, The Crossing, Kevin (Probably) Saves the World e Inhumans, também foram canceladas – algumas desas, nem ganharam outra chance para desenvolverem suas tramas e a primeira, tornou-se a última temporada.

Designated Survivor, um drama/suspense político até de boa qualidade, não resistiu ao gosto popular e recebeu o status de cancelamento após sua segunda temporada – seus episódios estão na Netflix devido a compra dos direitos de reprodução para outros países além EUA. Quântico, finda sua jornada após a terceira temporada. Nenhuma dessas duas foram resgatadas por outras emissoras e/ou plataformas de streaming.

Série Designated Surviror, do ABC Studios e protagonizada porKiefer Sutherland, fora cancelada após seus segundo ano de exibição | Foto/Reprodução: ABC Studios

As redes NBC e CBS também cancelaram algumas de suas produções. Na primeira, The Night Shift, Shades of Blue, Taken, Great News, The Brave e Rise. Na segunda, 9JKL, Me, Myself and I, Scorpion, Kevin Can Wait, Superior Donuts, Living Biblically e Wisdom of the Crowd. Para ambas, alguns outros títulos ainda encontram-se com o status de incerteza, podendo ou não, aumentar o número de produções canceladas. Apesar de 10 renovações, The CW não tem mais interesse em Valor e Life Sentence.

Nem só de cancelamentos vive uma emissora, afinal, time que está ganhando, não se mexe, pelo menos, é o que diz o ditado. Dentre as emissoras citadas acima, algumas séries foram “salvas pelo gongo” devido aos índices de audiência ou apelo popular. How to Get Away With Murder, black-ish, Grey’s Anatomy, Marvel’s Agents of SHIELD, Modern Family, The Good Doctor, Criminal Minds, Elementary, Hawaii Five-O, Mom, NCIS, NCIS: Orlando, NCIS: New Orleans, The Big Bang Theory, Young Sheldon, Arrow, DC’s Legends of Tomorrow, Dynasty, 9-1-1, Empire, The Simpsons, Blindspot, Chicago Fire, Chicago Med, Chicago PD, The Good Place, This is Us e Will & Grace, são exemplos de algumas séries que foram renovadas – dentre elas, algumas com anúncio de renovação antecipado bem como, renovação para término das produções.

A atriz Viola Davis na pele da advogada criminalista Annalise Keating, em How to Get Away With Murder. A rede ABC garantiu à serie, o quinto ano | Foto/Reprodução: ABC Studios

Para o próximo ano, tem estreias que haviam sido confirmadas ao longo do ano passado para esse ano e também, 2019. É o caso da oitava e última temporada de Game of Thrones, da HBO e a terceira temporada de Stranger Things, da Netflix – essa última, garantida pelo menos até a quarta temporada. Também da gigante do streaming, para ainda esse ano, Orange is the New Black, com mais duas temporadas pela frente, totalizando sete. 13 Reasons Why e Glow para maio e junho, respectivamente e o remake futurista Lost in Space, para o ano que vem.

Algumas das séries citadas e não-citadas nesta postagem, não foram, não são nem provavelmente, serão exibidas no Brasil por streamings originais e/ou emissoras de TVs abertas ou por assinaturas. O balanço final do entretenimento no mundo dos seriados americanos, somam mais de 65 renovações, cerca de 32 cancelamentos e apenas nove séries incertas, aproximadamente. E a lista, ainda pode crescer.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui