Na última quinta-feira (22), Chris Evans chocou toda uma legião de fãs ao redor do mundo com um comunicado que ninguém esperava. O ator declarou que após as filmagens do quarto filme da franquia Vingadores, não mais interpretará o Capitão América. E é entendível. Desde 2011, Evans dá vida ao personagem em seus filmes solos e foi emendando na franquia Vingadores, sem contar as participações em outros longas da Marvel.

Chris declarou que os próximos dois filmes, Vingadores: Guerra Infinita e a sequência, no ano que vem, serão as últimas vezes que o público o verá usando a farda de combate e o famoso escudo. “É melhor descer do trem antes que alguém te empurre dele“, disse em entrevista ao jornal The New York Times.

É perfeitamente entendível o que Evans quis dizer com a polêmica declaração. A Marvel tem investido muito dinheiro em suas produções e boa parte desse investimento, é exclusivo para o pagamento dos salários dos grandes atores de seu universo cinematográfico e por isso, deseja reformular seu casting. O ator Robert Downey Jr., por exemplo, dá vida ao Homem de Ferro desde 2008 e com a mudança, um ator mais jovem (e mais barato) deverá ocupar seu lugar nos próximos filmes.

Sebastian Stan é o mais cotado para substituir Chris Evans em possíveis filmes solos do herói, bem como, nos próximos e também possíveis filmes da franquia Vingadores. “Eu sou a escolha certa para assumir. Me perguntaram se eu seria um bom Capitão América e eu, acredito que sim“, declarou o ator. Quando questionado se é 100% garantido que assuma a interpretação do personagem, Stan disse: “Eu já ouvi esses rumores antes, não são novos. Entretanto, somente os fãs podem fazer com que isso se torne real“, garantiu.

Sebastian Stan como Soldado Ivernal no filme ‘Capitão América: Guerra Civil | Foto/Reprodução: Marvel/Studios Marvel/Disney

Na HQ de Guerra Civil, Steve Rogers (identidade civil do Capitão América) morre e quem assume o escudo, é Bucky Barnes, o Soldado Invernal – que no filme foi interpretado por Stan -. Isso não ocorreu no filme pois Evans tem o contrato até Vingadores 4.

Atualmente, Evans se dedica ao teatro, na Broadway, onde interpretará um policial charmoso e manipulador na peça Lobby Hero, que estreia ainda este mês. No ano passado, o ator filmou dois longas e deve refazer algumas cenas, dando um fim de uma vez por todas, o seu vínculo empregatício com a Marvel. “Eu me diverti bastante. Os super-heróis são entidades reinventáveis, como o Batman ou mesmo James Bond. Eu estou bem com isso“, admitiu Chris. “Eles querem continuar depois de Vingadores 4, mas isso é com eles. Eu vou embora sem arrependimento e infinitamente grato“, finalizou.

Vingadores: Guerra Infinita estreia no próximo dia 26 de Abril e em todo o Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui