sexta-feira, 1, julho, 2022

Resenha | Acumulus

Descobrir-se como uma pessoa não-heterossexual é um processo que envolve muita angústia, medo e em casos não tão raros, a rejeição que vem de amigos a familiares, ser aceito pelas outras pessoas é um desejo de todos aqueles que ainda não se assumiram, e no caso de Gui, leva a uma reflexão que se transforma em texto e ilustração.

Trazendo a imagem das nuvens e da chuva como metáfora, o processo de transformação interno se assemelha aos meteorológicos, uma nuvem surge no horizonte trazendo uma garoa que se torna uma chuva que cresce até se tornar uma tempestade, passa por um breve período de estiagem até que possamos ver o que tudo isso nos deixou, e em Acumulus não é apenas um arco-íris, mas a leveza que tantas pessoas LQBTQIA+ buscam em suas caminhadas.

Assim como diversas pessoas nos anos 90, a imagem do gay disponível nas mídias era o cômico, o personagem para rir. Fora desse meio, era motivo de vergonha, de violência e de ser errado, um desvio, algo a ser evitado a todo custo. O desenvolvimento durante a adolescência e a busca por se encaixar no padrão, escondendo o que quer que seja diferente é o que grande parte das pessoas LGBTQIA+ passaram e essa identificação de modo tão direto é o que fez falta naquela época e que hoje, aos poucos vai se preenchendo com uma produção nacional que fala sobre as aflições que tantos já passaram, passam e que tantos outros ainda vão passar.

Resenha | Acumulus 1
Acumulus | Gui V. Almeida | Editora Varanda

Acumulus tem um charme especial ao juntar o texto com ilustrações e quadrinhos, seu tom confessional dá a impressão de estar lendo um diário muito bem elaborado e colorido, daqueles em que o artista por vezes escreve porque é preciso colocar para fora seus pensamentos, mas quando as palavras fogem, se transformam em desenhos que não precisam de palavras para explicar a profundidade dos sentimentos e há a incorporação dos dois, que transporta o leitor para dentro da cena.

Gui tirou a própria história de dentro do seu coração para que outros pudessem ler e se identificar, mostrando que apesar de todas as intempéries que acontecessem, no final algo belo nos aguarda, principalmente quando compreendemos que há muitos algos não ditos em cada um de nós, que quando nos fechamos em nós mesmo, deixamos de ver quem está nos apoiando e principalmente, que cada pessoa está passando por um processo interno a todo momento.

O projeto foi concebido através de financiamento coletivo no Catarse com a editora Varanda, uma editora independente que pensou nos menores detalhes para trazer essa obra, desejando que mesmo em tempos de distanciamento Acumulus pudesse aproximar ainda mais as pessoas.

Sigam o trabalho do Gui no Instagram e no Twitter!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave