Há filmes que sabem como causar comoção e sentimento, feitos para reflexão, e é sobre isso que Fogo Contra Fogo, longa sul africano, traz em sua história. Com direção de Mandla Dube, e que traz em seu elenco nomes como Thabo Rametsi (Solomon Mahlangu), Thabo Malema (Mondy), Pearl Thusi (Brenda Rivera) e Welile Nzuza (Tommy London), seu enredo mostra a luta desses jovens africanos contra o sistema opressor e segregacionista do Apartheid da África do Sul em meados dos anos 70.

Baseado em uma história real que traz como seu personagem principal Solomon Mahlangu, interpretado por Rametsi, e a sua luta pela sobrevivência por participar de um movimento de libertação à população negra, iniciado por Tommy London (Nzuza) e que, ao ser pego pela polícia extremamente racista, foi torturado até o seu julgamento.

Solomon Kahlushi Mahlangu | Mandlakayise Walter Dube Film

A luta de Solomon Mahlangu foi um dos marcos mais importantes para a luta dos sul africanos para derrubar o sistema opressor do Apartheid que estava instalado no país em 1970 e o longa mostra com muita eficiência parte dessa imensa luta, desde a extrema pobreza do país, da batalha de todos os dias de Mahlangu, que trabalhava ilegalmente como vendedor ambulante, passando por todos os tipos de humilhação para levar pouco do dinheiro que recebia para manter a casa até a sua luta em espalhar e continuar com o movimento de libertação.

Mondy, Lucky, Tommy London e Solomon | Mandlakayise Walter Dube Film

A caminhada de Solomon Mahlangu foi extremamente tortuosa e o filme traz um grande apelo ao mostrar como o racismo sempre foi uma questão extremamente pertinente, mas que poucos conseguiam se posicionar, principalmente para a época em que o enredo é retratado, trazendo cenas tão angustiantes e fortes que é difícil lidar em alguns momentos.

Fogo Contra Fogo é uma obra delicada e feita para despertar em seus telespectadores a reflexão sobre um dos assuntos que deveriam ser prioridade na sociedade e nos ensinar que revolução também é um ato de amor.

Fogo Contra Fogo estreia nos cinemas no dia 21 de novembro em todo Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui