No último mês, chegou ao catálogo da Amazon, um dos maiores reality shows de moda da atualidade, o Making the Cut, que estreou sua terceira temporada. Além do orçamento impressionante da plataforma de streaming, que proporciona aos participantes viagens de imersão em capitais fashion, um time estrelado de jurados, e o prêmio de US$ 1 milhão, o programa liderado por Heidi Klum e Tim Gunn é uma verdadeira escola para jovens designers de moda. É uma produção que consegue trazer drama, tensão e muita informação de moda para amantes da indústria fashion.

Crítica | Making The Cut 3ª Temporada 1
Heidi Klum, Jeremy Scott e Nicole Richie são os responsáveis por julgar as tarefas dos participantes / Reprodução Amazon Prime

Integrando o time de jurados, temos a atriz e diretora criativa da House of Harlow 1960, Nicole Richie, e o ícone pop da moda e diretor criativo da Moschino, Jeremy Scott, que retornam fazendo companhia aos convidados adicionais — que serão revelados posteriormente — fazendo aparições ao longo da temporada. Não é segredo para ninguém que o cenário de moda diversificado de Los Angeles continuará sendo o plano de fundo para os novos episódios de Making The Cut. Alguns dos locais da passarela desta temporada incluem a icônica Rodeo Drive em Beverly Hills, a paisagem desértica única de Vasquez Rocks e um telhado de um dos muitos arranha-céus do centro de Los Angeles, com vistas deslumbrantes do horizonte da cidade.

Na produção desenvolvida por Heidi e Tim, os itens criados pelo vencedor de cada prova ficam disponíveis para venda na loja do programa na Amazon. Para quem desconhece, o programa foi uma das ferramentas que ajudou a impulsionar a presença do e-commerce no mercado da moda, após já ter se estabelecido em outros segmentos, como tecnologia, por exemplo.

Crítica | Making The Cut 3ª Temporada 2
Cast de participantes de diversos locais do mundo / Reprodução Amazon Prime

Em Making The Cut, a terceira temporada traz no seu cast a participação de designers de diferentes países como a Ciara Chyanne Morgan, de Los Angeles, Califórnia, nos Estados Unidos; Curtis Cassell, do Brooklyn, em Nova York; Emily Bargeron, de Savannah, na Geórgia; Gabriella Meyer, de Chicago, no estado de Illinois; Georgia Hardinge, de Londres, na Inglaterra; Jeanette Limas, da Filadélfia, na Pensilvânia; Markantoine Lynch-Boisvert, de Montreal, no Canadá; Sienna Li, também de Nova York; e Yannik Zamboni, de Zurique, na Suíça.

Mas o destaque desse time vai para ele, o talentoso Rafael Chaouiche. A marca homônima do estilista, Chaouiche, já chamou a atenção de diversas celebridades como Sabrina Sato, Thai de Melo Bufrem e Silvia Braz. Ele é o primeiro brasileiro a compor o grupo seleto de participantes e durante a competição podemos ver um pouco do seu trabalho primoroso e da sua criatividade. Em um dos episódios ele acaba tendo um imprevisto, mas se mostra muito capacitado para enfrentar as adversidades. Além disso, podemos ver que ele abusa de estampas em padronagens ousadas, mix de texturas, cores saturadas e muito volume.

Crítica | Making The Cut 3ª Temporada 3
Um dos looks criados pelo participante brasileiro, Rafael Chaouiche / Reprodução Amazon prime

Assim como toda série de competição, em cada um dos episódios que contemplam a terceira temporada, os competidores são desafiados a apresentar dois looks: um com foco em passarela e outro com apelo mais acessível. As tarefas são pensadas para avaliar diversas competências, indo desde a criatividade, finalização, administração do tempo, gestão, direção criativa, desempenho no digital e a veia empreendedora que foi um dos pilares mais testados e incentivados durante as dinâmicas da temporada. 

A aposta na versatilidade chama atenção, pois vemos peças de inverno, produções all-black, outfits de festival, e até mesmo uma mini coleção com forte apelo nas redes sociais, em especial o TikTok. E um dos pontos altos da temporada foi a tarefa criativa que envolvia a marca Champion, etiqueta esportiva centenária. O estilista vencedor não somente comercializou a peça na Amazon Fashion como também colaborou com a marca em um lançamento especial.

Making The Cut é produzida por Sara Rea, Sue Kinkead, Heidi Klum, Tim Gunn e Jennifer Love, e é produzida por Hello Sunshine e Amazon Studios.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui