“Temos que pegar, temos que pegar!” Quem não se lembra do pequeno refrão e até mesmo cantou o desafio de saber todos os Pokémon?

Ou ainda comprou os primeiros cards piratas que saíram no Brasil?

Pokemon começou com uma febre, viralizou e nunca mais saiu da cabeça de milhões de fãs pelo mundo. Muitos o conheceram pelo anime contando as aventuras de Ash e cia. Outros foram através do game original com Red.

Não importando como, todos tem algo em comum: são fãs da franquia e esperavam por uma adaptação com atores em carne e osso há anos.

E finalmente ela chegou! Lógico que o medo de uma versão Mário ou Street Fighter e até mesmo de Sonic que ainda está para chegar, pairam como uma nuvem pronta a desabar com pedras na cabeça destes fãs. Afinal de contas as duas versões não tem nada a ver com o universo original. E fogem completamente daquilo que os transformaram em sucesso mundial.

Felizmente, Detetive Pikachu vale a pena. Respeita o universo Pokémon e traz novos personagens humanos e não um versão de Ash e seus amigos.

Isto deu uma maior liberdade de interpretação para os atores, além de uma independência para que os roteiristas pudessem trabalhar uma nova história dentro de tudo que já foi criado e construído através de todos estes anos.

O ator Justice Smith faz um bom papel ao lado do Pikachu, que não é o mesmo de Ash. Pode não se tornar um dos personagens favoritos dos fãs, mas pelo menos ele é divertido e faz o que tem que ser feito.

E em parte é devido ao que realmente interessa aos fãs: os Pokémons!

A produção do filme foi inteligente e percebeu que as pessoas vão assistir um filme de Pokemon, justamente para ver seus monstrinhos favoritos e não os atores. E este é um pecado que outros filmes cometeram, como Tranformers ou a versão americana de Godzilla, que deu mais importância aos atores humanos e esqueceram até mesmo o título destes filmes.

O longa é divertido, com muitas cenas que os fãs irão se lembrar com certeza das animações. As referências são escandalosas aos olhos. O humor característico da série está bem inserida no enredo, assim como o lado dramático, que não é pesado, mas que te faz pensar.

As CGIs dos Pokémon estão muito bem feitas e é impossível não acreditar que os atores não interpretaram de verdade com algum deles.

Detetive Pikachu | Imagem: Warner Bros.

Ainda sobre a história, ela segue o padrão de tantas outras, com um filho que teve problemas de relacionamento com um pai ausente e durante a sua jornada irá descobrir os reais motivos disto tudo e também se auto descobrir. Além dos desafios que terá que enfrentar, que aqui são muito parecidos com outra animação, no caso Zootopia.

Mas isso tudo não estraga a sua diversão. Infelizmente, as cópias nacionais em sua maioria estarão dubladas. Ou seja, todo o trabalho de divulgação mostrando Ryan “Deadpool” Reynolds como Pikachu, foi pro limbo. Poderão ser encontradas algumas, mas deverão ser bem raras.

De qualquer forma, Pokémon: Detetive Pikachu, é um filme que respeita suas origens e aos fãs, trazendo aquilo tudo o que se espera de uma adaptação.

Resumo
Nota do Thunder Wave

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui