sábado, 26, setembro, 2020
Início Filmes Críticas Crítica | Um Senhor Estagiário

Crítica | Um Senhor Estagiário

Nunca é tarde para se aventurar e Robert De Niro nos mostra muito bem como isso é possível na terceira idade

Se você conhece a diretora e roteirista americana Nancy Meyers, sabe que a especialidade dela são comédias românticas protagonizadas por pessoas bem-sucedidas, inteligentes, charmosas e que moram em lugares maravilhosos. Nesse longa, não é diferente. Com o passar dos anos, Nancy foi aprimorando suas habilidades como roteirista e diretora e agregando mais “conteúdo” além do “açúcar” em suas tramas. Em Um Senhor Estagiário somos apresentados a interação entre a velha geração e a internet e outros conflitos de pessoas diferentes que acabam se conectando ao longo do filme.

A trama apresenta Ben Whittaker (Robert De Niro), um viúvo de 70 anos que não está satisfeito com a rotina monótona. Depois que perdeu a esposa, Ben se dedicou a aprender outras tarefas para passar o tempo, como cozinhar, falar mandarim e viajar para outros lugares no mundo. Cansado de visitar o único filho que mora do outro lado do país, Ben começa a procurar algo produtivo para fazer e após ver um anúncio de uma empresa que está contratando estagiários seniores, Ben se sente encorajado a tentar algo novo e consegue se sair muito bem nas entrevistas garantindo assim, a oportunidade de pleitear o estágio no site de modas. Neste caso fica bem claro que o “trabalho” é mais por diversão do que uma simples necessidade.

Diferente de Jules Ostin, que é interpretada por Anne Hathaway, uma mulher forte, determinada, independente, mãe e que tem uma rotina agitada e que em algum momento da vida teve uma brilhante ideia: criar um site de moda para mulheres. Seu empreendimento dá certo em poucos meses. Surpreso pelo rápido crescimento da empresa, seu sócio, Cameron (Andrew Rannells), acredita que seja necessário a contratação de um CEO para ajudar a gerenciar melhor o empreendimento deles – ou seja, alguém para mandar neles – decisão que gera em Jules algumas dúvidas. Além disso, seu casamento está passando por um momento complicado. O marido que deixou o próprio emprego e passou a cuidar da casa e da filha para que ela pudesse se envolver mais em seu projeto pessoal, a decepciona. Nesse momento, temos a sensação de tudo estar entrando em colapso. E é no seu estagiário que Jules encontra a voz da sabedoria e a tranquilidade de que ela tanto precisa.

Foto de Robert De Niro - Um Senhor Estagiário : Foto Robert De ...
Robert De Niro está impecável e adorável nesse longa tranquilo e leve / Warner Bros

A principio, Jules não queria um estagiário e em um momento chega a questionar se Ben não se importaria de ser transferido para outra área. No entanto, ele mesmo afirma que prefere estar com ela. De Niro encara com serenidade seu posto de mentor mesmo sendo um estagiário. Mesmo com dificuldades no começo do estágio, Ben persiste e começa uma linda amizade com os rapazes que trabalham com ele.

No decorrer da trama, podemos perceber a verdade e sinceridade na interpretação dos personagens. Por um lado temos um senhor de 70 anos, viúvo, que trabalhou como supervisor numa empresa que imprimia listas telefônicas por 40 anos, por outro lado temos uma mulher jovem, dona do próprio negócio e que luta para permanecer no lugar de destaque que para muitas mulheres é difícil chegar e permanecer. Por mais sútil que seja, a trama nos mostra o quão difícil é para uma mulher conquistar uma boa posição em sua carreira e o sofrimento que ela passa para isso. Outras mulheres a desmerecem por ter como responsabilidade uma empresa e não a família e isso não quer dizer que ela não seja uma boa mãe ou esposa, muito pelo contrário, sua família é uma de suas prioridades. Aqui nesse filme, Anne relembra os tempos de O Diabo Veste Prada, em que alguns conflitos são semelhantes como a relação conturbada com o parceiro que passou a criticá-la e não apoiá-la em busca de seu sonho. No entanto, ela é a chefe agora e não a secretária. 

A busca incessante por um CEO não é apenas pela empresa, mas também uma decisão que “salvaria” seu casamento. Mas a infidelidade do marido não é culpa de Jules. Percebemos que Matt (Anders Holm) sente a sua masculinidade ferida, por ser o “dono do lar” e no começo ele não sentia isso, mas depois ele achou uma forma de extravasar seu descontentamento com o rumo que a vida a dois o proporcionou. 

Existe uma troca, uma admiração e muito respeito na relação criada entre Jules e Ben e parece que essa preferência por atores veteranos pela diretora e roteirista Nancy Meyers faz com que a formula que ela aplica em suas tramas só confirmam que o velho e o novo se misturam e isso dá muito certo. Um Senhor Estagiário não chega a ser como o icônico Do que As Mulheres Gostam (2000) e é muito mais tranqüilo que o romance O Amor Não Tira Férias (2006), mas nesse longa temos uma construção mais madura, sobre autoconhecimento, quebrar estereótipos formados por uma sociedade machista que se desenvolvem num roteiro amarrado e prende o telespectador do começo ao fim com o carisma e a interação entre Anne e De Niro.

Nota do Thunder Wave
O filme possui uma trama bem construída, leve e que facilmente tem cara de família no domingo a tarde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

Siga nossas redes sociais

7,008FãsCurtir
3,084SeguidoresSeguir
4,360SeguidoresSeguir

Desafio Sob Fogo Brasil e América Latina: Três brasileiros disputam a...

0
Cléber, Milton e Sandro estão entre os quatro finalistas da terceira temporada da competição que aqueceu os corações dos cuteleiros amadores. Qual brasileiro conquistará o tricampeonato?

The Walking Dead | Cena de momento íntimo causa nojo nos...

0
Cena de momento íntimo entre Negan e Alpha causou reações negativas nos fãs de The Walking Dead. Veja.
pt_BRPT_BR
en_USEN pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave