No último dia 26 de dezembro, a Netflix liberou em seu catálogo, mais uma série daquelas de tirar o fôlego e prender sua atenção. Você (You), baseada no livro homônimo de Caroline Kepnes (publicado no Brasil pela editora Rocco), é daquelas produções que logo no início, sabendo que é errado, vai te fazer torcer pelo casal principal – e pasmem! -, vai achar o protagonista fofo. É errado, mas é o que acontece (9 de 10 pessoas que o Thunder conversou antes de postar esse texto, disseram isso).

Liderando o elenco, temos o talentoso Penn Badgley, o Dan Humprhey de Gossip Girl, no papel de Joe Goldberg e Elizabeth Lail como Guinevere Beck. A trama se passa numa Nova Iorque moderna, atual, cosmopolita, jovial e densa, onde a liberdade sexual e a correria em busca de dias, carreira, salário, estudos e amores melhores e a força da amizade, aparentemente verdadeira, andam lado a lado.

Joe (Badgley) é o gerente de uma livraria, onde a partir de um determinado dia, sente-se atraído por uma cliente. A partir desse momento, inicia-se uma trama perigosa, narrada em primeira pessoa (o espectador é levado para a mente de Joe e através de sua perspectiva, a história vai se formando). Joe torna-se um stalker onde por debaixo de capas e bonés, traça todo o perfil psicológico da jovem através de seus movimentos gestuais e postagens em redes sociais.

Guinevere Beck (Lail) prefere ser chamada por seu sobrenome: Beck, apenas Beck. Ela é uma mestranda, aspirante a escritora e sua vida não é lá das mais certinhas. Suas amizades, até então, consideradas verdadeiras, não é também o que pode ser chamado de amigas. Beck possui uma vida que não é sua e entre amores, gastos e o sonho de ter seu livro publicado, ela se permite ser conquistada por Joe, uma vez cansada de tantas tentativas frustradas de amores verdadeiros.

Até que num determinado momento, Joe que neste dado momento estava apenas sentindo-se atraído por Beck, agora declara-se apaixonado. Misterioso e com um passado nebuloso, faz questão de afirmar sua conquista para sua amada, como se todos os outros a seu redor, fossem vilões e nocivos a ela, sem se dar conta de que o grande vilão é ele próprio. O jovem gerente da livraria, de stalker, transforma-se em serial killer, eliminando um por um, de seu caminho e que se mostram contra seu relacionamento com a jovem escritora.

O ELENCO

A atuação de Penn é indiscutivelmente maravilhosa. Se compararmos o ator em Gossip Girl e atualmente em Você, veremos o mesmo talento para ambas as produções, entretanto, o ator transforma-se e convence muito atuando como Joe. Suas expressões faciais tornam-se pesadas, seu olhar vazio e vago, seu sorriso, malicioso. Em certas cenas, dá medo e uma certa agonia, de olhar para o rosto do ator.

Elizabeth Lail entrega uma Beck confusa, corajosa, empoderada, amante dos livros e da escrita e ao mesmo tempo, uma mulher vazia, perdida e em busca de ser amada e desejada. Uma mulher mediana, normal. Quem não acompanha a carreira da atriz, pode não se recordar devido ao tempo e também, ao novo visual que a atriz adotou para compor sua personagem em Você. Lail interpretou a princesa Anna de Arendelle, na 4ª temporada de Once Upon a Time. São trabalhos completamente distintos e de fato, não há o que se comparar. Mas com um destaque maior, a atriz realmente mostra a que veio e é uma promessa para novos trabalhos na TV e no cinema.

Outro destaque vai para Shay Mitchell. Falar da atriz, é “chover no molhado”, afinal, ganhou destaque mundial ao interpretar Emily Fields em Pretty Little Liars. Com Peach Salinger, sua personagem em Você, vemos uma atriz mais madura e experiente e entrega, em cena, todo o seu talento, mostrando para o que veio. Suas cenas com Elizabeth Lail são maravilhosas e a química entre as atrizes, põe em demonstra o verdadeiro sentimento de Peach para com Beck.

Com uma pequena participação, o ator John Stamos, o eterno tio Jesse Katsopolis, de Full House e Fuller House, apresenta seu outro lado na dramatização. Enquanto nos sitcoms citados acima, Stamos atuava de maneira despretensiosa, em Você, as feições do ator estão mais densas, com semblante mais centrado e seu papel na série, o terapeuta Dr. Nicky, é completamente necessário para o fim da trama.

A TRAMA

De tirar o fôlego, parece que a Netflix e acertou em cheio em um jeito de fazer séries e filmes: a adaptação literária e não apenas isso. Em 2018, a gigante do streaming, apostou em séries investigativas e terrores psicológicos, o que agrada. Originalmente, a primeira temporada fora produzida, criada e exibida pelo canal Lifetime, mas a emissora abandonou o projeto. Com o resgate da série, Você tornou-se um Original Netflix, apenas pela transmissão para outros países – com exceção dos Estados Unidos.

É impossível não torcer para o Joe e até mesmo, em algum momento, duvidar de seus atos, que são completamente nocivos. O momento em que a trama parecer lenta, haverá uma virada de jogo, colocando o suspense em primeiro plano. Não se trata de uma historinha de um casal que se apaixona. Trata-se de algo sério e que constantemente, acontece ao nosso redor, no nosso dia a dia.

A criação de universos e estratagemas na mente patológica do protagonista, chega a assustar e a maneira com que ele elimina seus “inimigos”, choca – destaque para a primeira morte da trama. É surpreendente!

Uma das outras tramas que é abordada, é sobre a violência doméstica, onde até que ponto, uma criança ou adolescente, em formação, ser testemunha de maus tratos do padrasto para com a mãe, implica em seu caráter? É de suma importância, que produções para a TV, streaming ou cinema, aborde cada vez mais, temas como esses.

Outro ponto a ser destacado, é o uso excessivo das redes sociais. Marcações de localizações nas fotos, mostrar uma vida ou uma verdade que não vive, o desejo excessivo de ser visto, de ser notado. Tudo isso, de maneira brilhante, a série aborda, dando ao espectador, um alerta.

Uma segunda temporada foi confirmada e tem previsão de estreia ainda em 2019, dessa vez, produzida e exibida mundialmente, pela Netflix. Mais informações, serão divulgadas em breve. Você pode sim, ser considerado um dos grandes lançamentos de 2018.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui