Entrevista | Astrofísico da NASA fala sobre seu trabalho em jogo brasileiro Universus

Astrofísico da NASA tem atuado como advisor da Take4Games, startup de Games e tecnologia que desenvolve negócios em blockchain, no desenvolvimento do "Universus", uma série de jogos Play-to-earn mobile que como pano de fundo a exploração espacial.

A indústria de jogos cresce em um ritmo alucinante a cada ano, o que a tornou uma das mais lucrativas desde então. Mas o seu crescimento não foi tão fácil assim. Desde o lançamento de seu primeiro jogo, consoles, sua quase destruição no final dos anos 1970 e início dos 1980, o mercado teve várias mudanças e facetas.

Uma delas foi ter ajudado na indústria de tecnologia, como do CD, DVD (em sua popularização), hardware e lógico, com a popularização maior dos celulares graças a quantidade incrível de jogos que são lançados para o dispositivo. Além disso, ainda podemos destacar que as empresas do setor e seus jogadores, também tiveram papel importante durante o início da Guerra na Ucrânia com ajuda humanitária.

Lógico que o setor, com um todo, também tem seus problemas, como de toxidade em algumas empresas e entre os jogadores. Mas isso tudo é algo que está sendo combatido em várias frentes e felizmente terá o seu fim. Outro aspecto fascinante é que pessoas das mais diversas estão entrando de alguma forma na indústria de jogos, como no caso do Dr. Slava G. Turyshev, astrofísico do laboratório de propulsão a jato da NASA (JPL), Instituto de Tecnologia da Califórnia e professor do Departamento de Física e Astronomia da Universidade da Califórnia, Los Angeles (UCLA).

Desde abril deste ano, o astrofísico da NASA tem atuado como advisor da Take4Games, startup de Games e tecnologia que desenvolve negócios em blockchain, no desenvolvimento do “Universus“, uma série de jogos Play-to-earn mobile que utiliza um robusto sistema econômico, através de NFTs e Tokens e tem como pano de fundo a exploração espacial.

A série visa alcançar todos os conceitos de GameFi, principalmente, com foco na descentralização financeira e equilíbrio entre diversão e recompensas nos jogos. O principal papel do Dr. Slava é aconselhar o time de criação validando a narrativa e contribuindo com indicação de recursos e desafios verdadeiros, para que a experiência do jogo seja a mais real possível, educativa e interessante sobre a exploração espacial. São reuniões semanais ou quinzenais com a equipe, além da produção diária de documentos.

Confira abaixo a entrevista com o Dr. Slava G. Turyshev, que falou a respeito de seu trabalho no jogo e como ele vê o mercado de jogos.

1. Como um cientista da NASA acabou se tornando um conselheiro da criação de um jogo junto a brasileiros.

O espaço é a minha paixão desde cedo. Atualmente, estou envolvido em muitos projetos emocionantes que levarão a humanidade para o próximo nível de compreensão de nosso lugar no Universo. Para isso, precisamos educar a nova geração de cientistas, engenheiros e o público. Percebo que o Universus terá um grande componente educacional relacionado à disseminação de conhecimento sobre o espaço. Então, quando me pediram para ajudar a tornar o conteúdo um pouco mais realista e envolvente, claramente minha resposta foi – sim!

2. Como tem sido este novo desafio?

Bem emocionante! Estou feliz por fazer parte da equipe que projeta novos mundos para os jogadores explorarem. Como você deve saber, nos últimos 25 anos descobrimos mais de 8.000 planetas orbitando em constelações vizinhas. Embora não tenhamos jamais visto suas superfícies e nunca tendo estado lá, é muito divertido pensar em como esses mundos podem parecer. Também é interessante pensar como se pode explorá-los. Veja, visitar esses planetas está fora de questão: nos próximos séculos ainda não teremos as tecnologias de propulsão e energia necessárias para permitir viagens interestelares. Portanto, é emocionante trabalhar no jogo, pois nos permite imaginar como pode ser a vida nesses planetas tão distantes. É exatamente isso que fazemos no Universus!

3. Desde o século passado, os videogames deixaram de ser apenas entretenimento para crianças e se tornaram algo para todas as idades, assim como uma indústria de bilhões. Como você vê esse crescimento e a sua responsabilidade em aconselhar a criação do jogo Universus?

De fato, a indústria de jogos experimentou um grande crescimento. Em breve, poderá ser ainda mais integrado em nossas vidas diárias, fornecendo um importante componente virtual. Assistentes digitais, presença virtual, ferramentas de design criativo, colaboração remota – são exemplos de tecnologias sinérgicas que já afetam nossas vidas pessoais, locais de trabalho e entretenimento. De fato, a presença desse componente e suas implicações sociais levarão a humanidade ao próximo nível de evolução.

A indústria de jogos desempenha um papel importante neste processo. Ao criar novos mundos, também criamos um conjunto de normas éticas e códigos morais que governam essas sociedades imaginadas. Os jogadores são desafiados não apenas pelo ambiente vivenciado por seu avatar, mas também enfrentam uma variedade de escolhas morais. Como criadores de jogos, devemos ser muito sensíveis a esses aspectos poderosos de um jogo, tentando incentivar os jogadores a fazer boas escolhas éticas, consistentes com aquelas que fariam na vida real.

Universus é um jogo que traz muito conteúdo emocionante. Além disso, o jogo tem um componente educacional significativo. Ele é projetado para fornecer muitas informações valiosas para o jogador em um ambiente de jogo. Estou entusiasmado por fazer parte deste desenvolvimento, pois nos dá a chance de treinar uma nova geração de exploradores capazes de serem modelos a seguir, dando exemplos positivos.

4. O senhor está na NASA desde 1993 trabalhando nos principais projetos e missões. Além disso, assessorou empresas famosas como a SpaceX. Como é lidar com diferentes pesquisas, projetos e pessoas de diferentes áreas e ainda manter o seu foco?

A vida é tão multifacetada! Fazer apenas uma coisa profissionalmente pode se tornar uma rotina. Ter vários projetos em um determinado momento permite evoluir, expandindo nossas capacidades. Eu gosto de estar envolvido em uma variedade de projetos, pois assim a vida nunca fica chata! Isso me permite conhecer muitas pessoas interessantes e aprender com elas ou ajudá-las de alguma forma. Este é um processo interessante que me agrada muito.

5. A ciência deixou de ser algo apenas para um nicho e durante as décadas ganhou a cultura pop, principalmente graças a nomes como de Carl Sagan com seu programa Cosmos. Você chegou a trabalhar em algum momento com o cientista? Se sim, quais valores você destaca que ele deixou como legado para a ciência e também para a indústria de entretenimento?

Não, eu nunca conheci Carl, mas conheço muitas pessoas que o conheciam muito bem. Ser cientista é um privilégio que vem com responsabilidades. Uma dessas responsabilidades é ser capaz de comunicar a emoção de aprender sobre a Natureza e o Universo. Tornar a ciência mais acessível ao público é fundamental para a evolução da humanidade.

À medida que nos tornamos cada vez mais dependentes da tecnologia, devemos garantir que haverá mais cientistas e tecnólogos capazes de inventar novos produtos e capacidades empolgantes. Sempre houve uma demanda por uma pessoa qualificada para explicar os fenômenos naturais ao público.

Carl Sagan se tornou um dos primeiros cientistas a ganhar status de celebridade ao fazer isso. Ao longo dos anos, muitos cientistas o seguiram para se tornarem conselheiros públicos em vários aspectos científicos (ou seja, Neil De Grass Tyson, Michio Kaku, Sean M. Carroll, etc. e, claro, o falecido Stephen Hawking).

6. Voltando ao jogo Universus, como foi o seu primeiro contato com a Take4Games e o que o levou a aceitar esse trabalho?

Um colega me apresentou aos criadores do jogo há alguns meses. Quando conheci a equipe do Universus, a energia do grupo e seu entusiasmo eram palpáveis! Ao ouvir sobre o enredo do jogo, seus componentes educacionais e os aspectos éticos da criação do jogo, fiquei imediatamente animado!

7. Você acha que teremos mais parcerias dessa em um futuro próximo?

Agora é uma prática padrão na indústria do entretenimento quando roteiristas, cineastas e atores procuram a academia para obter conselhos sobre como comunicar melhor alguns aspectos de uma história criativa (filmes de Hollywood como Interestelar, Avatar, Contato, Exterminador do Futuro e muitos outros). Eu absolutamente vejo a necessidade de mais parcerias semelhantes na indústria de jogos.

Dr. Slava G. Turyshev

Entrevista | Astrofísico da NASA fala sobre seu trabalho em jogo brasileiro Universus 1
Imagem: Stephanie Diani/WPN

Dr. Slava G. Turyshev é astrofísico do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA (JPL), Instituto de Tecnologia da Califórnia e professor do Departamento de Física e Astronomia da Universidade da Califórnia, Los Angeles (UCLA). Desde que ingressou no JPL em 1993, Slava trabalhou em várias missões e projetos espaciais, incluindo Pioneer 10 e 11, Voyager 1, Cassini, Galileo, New Horizons, Curiosity e outros.

Suas principais áreas de pesquisa incluem astrofísica, gravitação relativística, cosmologia e exoplanetas. Ao longo dos anos, ele desenvolveu e gerenciou programas e projetos avaliados em mais de US$ 1 bilhão. Em várias funções, ele havia assessorado empresas da Fortune 500 nas principais decisões de financiamento nas áreas de tecnologia, gestão de risco, operações e desenvolvimento corporativo, trabalhando em particular com Avaya, AMD, Amgen, Ball Aerospace, Corning, Cisco, Disney e recentemente com SpaceX , BlueOrigin e Virgin Galactic entre outros.

Slava possui DSc e PhD em astrofísica pela Moscow State University, Rússia, e um MBA pela Anderson School of Management da UCLA. Publicou mais de 240 artigos, dois livros. Dr. Turyshev é membro da Academia Internacional de Astronáutica (IAA).

Confira também a entrevista Gab Araujo, um dos fundadores da Take4Games, sobre NFTs

Gab Araujo, um dos fundadores da Take4Games, startup subsidiária da Take4Content, uma das principais produtoras de conteúdo do país, falou a respeito do que são NFTs, para que servem, valor de mercado e outras curiosidades.

Artigos Relacionados

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

Instagram

Bombando

Mais vistos da semana

Siga Nossas Redes

Tem conteúdo exclusivo por lá
6,825FãsCurtir
2,998SeguidoresSeguir
4,049SeguidoresSeguir

Receba as novidades

Fique por dentro de todas as novidades do site em primeira mão!

Recentes

Conteúdo fresquinho

Thunder Stage

Tudo sobre roteiro
pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave