A partir do próximo dia 19 (sábado), o curta-metragem “Palavras Não Ditas” terá exibições gratuitas e abertas ao público. A produção, com duração de 15 minutos, é uma parceria entre a atriz e produtora Karen Alves, o ator e produtor Lucas Nery e a produtora Pier 66, de Plinio Scambora, roteirista e diretor do projeto, e Raquel Tejada, diretora de arte. O curta retrata situações cotidianas de casais e como a falta de diálogo traz problemáticas na construção de relações sólidas e verdadeiras.

Serão 10 sessões de exibição seguida de bate-papo sobre a temática do filme e sobre produção audiovisual, com convidados especiais: como a Camila Voluptas, conhecida criadora de conteúdo para o meio liberal, Tristan Aronovich e Thiago Carvalho do Instituto Stanislavsky, entre outros.

Concepção

Dentre todas as tecnologias e aprimoramentos de sociedade promovidas pelo ser humano, uma segue sendo a mais antiga e difícil de ser compreendida: o diálogo. “Palavras Não Ditas”, conta a história de um casal que passará por várias descobertas internas e externas acerca de sua relação, tendo que lidar com diferentes conflitos.

A ideia é trazer provocações e refletir se existe diálogo aberto e verdadeiro com quem nos cerca. O quanto meu parceiro(a) me conhece e o quanto conheço dele(a)? Estaríamos em um relacionamento se fossemos plenamente verdadeiros sobre os nossos sentimentos e desejos? Você se casaria com uma versão de você mesmo? Será que estamos construindo relações honestas, ou só nos adequando às expectativas que a sociedade impõe?

Segundo Plinio Scambora, diretor, roteirista e fundador da Pier 66, a proposta artística deste trabalho quer provocar e ao mesmo tempo expandir a capacidade de questionamento. “Trazer uma percepção mais apurada sobre como o julgamento e a repressão nos impactam e impedem de ter relações mais saudáveis, pautadas em diálogo. Levamos ao público uma discussão simples, no entanto, latente em nossa sociedade”, explica Scambora. “Além disso, queremos contribuir com a desconstrução de alguns tabus sociais, abrindo espaço para diálogos profundos e para alimentar o ser observador que habita cada um de nós”, conclui.

A mulher na sociedade

Para a construção de “Palavras Não Ditas”, a equipe passou por um processo de pesquisas, vivências e conversas para trabalhar a temática do filme, que traz erotismo e muita sensualidade nas cenas. “Meu maior desafio neste trabalho, foi desconstruir e desapegar de crenças, repressões e tudo que carregava da minha história, para a partir daí me abrir e imergir nesse universo. Foi um momento de esvaziar e ficar à disposição para que a história da Amanda pudesse me atravessar”, explica Karen Alves, atriz protagonista e produtora executiva do curta. 

“Foi enriquecedor e libertador sair da zona de conforto como atriz e ser humano, é  importante que a gente entenda que podemos ser empoderadas, sexys, inteligentes, divertidas e vários outros adjetivos, tudo junto, e que uma coisa não exclui a outra”, complementa.

“Apesar de estarmos evoluindo como sociedade e cada vez mais termos mulheres empoderadas, ainda falta diálogo nas relações pessoais, quando falamos sobre desejos e sexualidade, isso ainda fica meio perdido no meio de tantos tabus. Mas, fico feliz em contribuir um pouco com o nosso protagonismo em uma temática que ainda é sensível e trazer tantas provocações à tona”, conclui Karen.

Falta de diálogo, tabus sexuais e empoderamento feminino, são temas abordados em Palavras não ditas 1

O filme é um fomento do PROAC Expresso21 por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo.

Exibições:

  • 19/11 (sábado), às 18:40h;

03/12 (sábado), às 18:40;

Spicy Club, Alameda dos Pamaris, 42 – Moema, São Paulo – SP, 04086-020, Brasil

ENTRADA: Alimentos não perecíveis. 

Evento especial com a palestra da Camila Voluptas. 

Reserva de ticket para palestra do dia 19/11: https://www.voluptasclub.com/event-details/palestra1911 

  • 26/11 (sábado), duas sessões, às 14h30 e 16h:

Fascs – Fundação das Artes de São Caetano do Sul, R: Visconde de Inhaúma, 730 – Bairro: Oswaldo Cruz, São Caetano do Sul – SP

  • 10/12 (sábado) às 14h

12/12 (segunda) às 19:30

Cineclube na Oswald de Andrade, Rua Três Rios, 363 – Bom Retiro, São Paulo – SP, 01123-001

Participação especial de Tristan Aronovich e Thiago Carvalho do Instituto Stanislavsky, para um bate-papo sobre o tema do curta e produção audiovisual

  • USCS (Universidade de São Caetano do Sul), Campus Barcelona: Av: Goiás, 3.400

Datas a confirmar.

Além das sessões na USCS, mais duas sessões serão confirmadas em breve.

Serviço

  • “Palavras Não Ditas”
  • Duração: 15 minutos

Ficha Técnica

  • Roteiro: Plinio Scambora
  • Direção: Plinio Scambora
  • Produção Executiva: Karen Alves e Lucas Nery
  • Assistente de Direção: Paula Luppi 
  • Diretor de Fotografia: Guilherme Cardoso
  • Assistente de Câmera : Bárbara Lacerda 
  • Diretora de Arte: Raquel Tejada
  • Assistente de Arte: Angélica Honorato 
  • Preparação de Elenco: Karen Alves e Lucas Nery
  • Produção de Set: Dominique Maffei 
  • Chefe de Maquinária: Robinho Gaffer 
  • Assistente de Maquinária: Matheus Sabino 
  • Assistente de Produção: Cristopher Davi de Oliveira
  • Operador de Áudio: Victor Ferrendes
  • Maquiagem: Isabella Pinguel 
  • Edição: Plinio Scambora 
  • Fotografia Promo: Edmar Martins 
  • Catering: Fernando Reis 
  • Assessoria de Imprensa: Ariane Hipólito

Elenco

  • Amanda – Karen Alves 
  • André – Davi Guimarães 
  • Cris  – Tamara Teixeira 
  • Júlio – Lucas Nery 
  • Bruno – Lucas Malta 
  • Érica – Juliana Del Rosso 
  • Márcia – Paula Luppi
  • Mauro – Cal Titanero 
  • Terapeuta Sexual – Camila Voluptas 

Participação Especial

  • Juliana Muniz 
  • Lu Pamplona

Apoio

  • Voluptas Society 
  • Spicy Club 
  • Insane Estratégia 
  • Café Marrom Glace 
  • Kalua Hawaiian Food 
  • Modas Hot 
  • Prefeitura Municipal de São Caetano do Sul 

Agradecimentos

  • Isaac Camilo
  • Fabio Leandro 
  • Camila e Ed  daVoluptas Society 
  • Pamela Mata 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui