Em entrevista a revista Entertainment Weekly, o ator Johnny Depp fala pela primeira vez sobre as polêmicas que causou ao ser escalado para o elenco dos filmes da franquia Animais Fantásticos. Sua primeira aparição na pele do bruxo Gellert Grindelwald, foi em 2016, nas cenas finais de Animais Fantásticos e Onde Habitam.

Dois anos depois, ele retorna para Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald e fãs se mostraram, desde a divulgação de sua participação no primeiro filme, semanas antes do longa estrear, contra a escalação do ator, que se envolveu em polêmicas de agressão doméstica à sua ex-esposa, a atriz Amber Heard.

O Thunder vem acompanhando de perto esse caso. Abaixo-assinado e petições; ameaças de boicote; cobranças de um posicionamento de J.K. Rowling e da Warner sobre a insistência de Depp no elenco; retratação do próprio ator; substituição do mesmo e até acusação de que Rowling e a Warner deram a um agressor um filme para protagonizar, surgiram entre os fãs que veem em Harry Potter, desacordo com o ocorrido.

Serei honesto“, iniciou, “me senti mal por J.K. ter que lutar contra todos esses sentimentos das pessoas por aí“, confessou o ator. “Os fatos são que eu fui falsamente acusado“, disse Depp.

Em Maio de 2016, Amber Heard acusou Depp de agressão física e psicológica, alegando que durante o casamento, o ator havia sido abusivo. O caso foi parar nos tribunais. Entre acusações de mentiras e tentativas de ganho financeiro, Heard e Depp firmaram um acordo em agosto do mesmo ano.

Um comunicado, assinado pelo agora ex-casal, dizia que o relacionamento dos dois era intensamente passional e, às vezes, volátil, mas sempre permeado de amor e que nunca houve a intenção de dano físico ou emocional. Atualmente, o ator move um processo contra o tabloide The Sun, que na época noticiou o caso, por difamação.

J.K. viu as provas e, portanto, sabe que eu fui falsamente acusado. É por isso que ela me apoiou publicamente. Ela não dá bobeira“, revelou o ator.

Rowling defendeu a a permanência do ator, após inúmeras cobranças de fãs em seu perfil pessoal no Twitter. Em seu posicionamento – usou muito das palavras da Warner, que até esse momento, também havia se posicionado à favor da permanência de Depp no elenco -, a roteirista entendeu o motivo de tantas pessoas estarem confusas e bravas pela não substituição do ator e baseada em seu entendimento de todo o caso, também defendeu que Depp continuasse no elenco.

Rowling não faria isso se não soubesse da verdade (…) Eu sinto que a principal coisa de um ator, é a sua lealdade. É meu trabalho reforçar a visão do autor e ser fiel à visão do diretor. Há verdade na minha visão (…) Minha intensa lealdade não é apenas com J.K. e David Yates, mas também com as pessoas que vão assistir os filmes, as pessoas que investiram suas vidas nesse mundo magnifico e incrível que J.K. criou“, finalizou Depp.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui