Após os cancelamentos e incertezas que rondavam os bastidores de emissoras e grandes estúdios de TV, pouquíssimas produções foram salvas e remanejadas para outros canais, como os casos de Brooklyn 99 e recentemente, Lucifer. Dessa vez, mais uma produção fora salva de seu cancelamento eterno e ganhou uma outra oportunidade, de ao menos, findar de maneira mais digna.

Leia+: Saiba tudo sobre os cancelamentos
e salvamentos de grandes títulos da TV americana

Designated Survivor, protagonizada pelo ator Kiefer Sutherland, o agente Jack Bauer de 24 Horas. Tal como em Lucifer, a Netflix foi quem salvou a série e trará a produção para seu catálogo como um “Original Netflix“. Para o público brasileiro, isso não afetará muito, afinal, quem acompanha a série, sabe que ele já está como um original, entretanto, na prática, houve mudanças sim.

Originalmente, Designated Survivor fora exibida e produzida pelo ABC Studios e a Netflix, detinha apenas, os direitos de transmissão ao redor do mundo. Com o salvamento, a série passa a ser de propriedade da gigante do streaming, tendo todos os direitos de mexer, aprovar e/ou desaprovar o rumo da história, bem como, sentir a necessidade de adicionar novos atores e atrizes ao elenco e a contratação de novos showrunners.

Leia+: Saiba como foi o processo de
salvamento da série Designated Survivor

Para a nova temporada, Neal Bear assume o cargo de showrunner e ao contrário das duas primeiras, o terceiro ano será composto de apenas 10 episódios, onde o Presidente Kirkman (Kiefer Sutherland) terá de enfrentar uma campanha presidencial e toda a realidade fora do comum que acontecem dentro dos bastidores. Vários questionamentos serão levantados e também, abrirá um espaço para debates do verdadeiro papel de um líder e o preço em que ele está disposto a pagar pelo bem estar dos outros.

A nova temporada pretende abordar também, como funciona o mundo das campanhas políticas, as táticas improváveis, financiamentos e o assunto que atualmente, rondam as mesas de debates e discussões jornalísticas, as fake news. As filmagens devem iniciar no final do ano para que a estreia seja ainda em 2019. As duas primeiras temporadas estão no catálogo da Netflix.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui