Séries Críticas

Primeiras Impressões | A Lenda de Lady Ferrari

Série russa de espionagem estreia no dia 18 de novembro

0

A série russa A Lenda de Lady Ferrari estreia no Locke, na próxima quinta-feira, dia 18 de novembro. A produção estreia sua 1ª temporada com 12 episódios e se passa em 1920, no auge da guerra civil russa. A obra é baseada em fatos reais e tem ação, romance, suspense e claro, espionagem, já que os protagonistas são espiões.  

Os seus protagonistas são o jornalista alemão Max Ermler (Pawel Delag) e a poeta italiana Elena Golubovskaya, conhecida pelo pseudônimo Elle Ferrari (Olga Pogodina). Eles são dois agentes secretos que se apaixonam, porém estão de lados opostos o que dificulta o romance que logo se torna proibido. 

O jornalista Max é um servidor do império britânico, enquanto Elle está a serviço dos bolcheviques. O primeiro episódio já começou com muita ação e romance no ar. A personagem de Olga, parece ser uma mulher forte e a frente de seu tempo e da época a qual está inserida. Ela usa do seu charme para mascarar sua verdadeira identidade. O jornalista parece ser um bom disfarce para o espião britânico e ele se mostra bem astuto. Será que ele vai descobrir que a poetisa é uma espiã?

A Lenda de Lady Ferrari começa o episódio com uma cena de “perseguição”, onde espiões estão seguindo um ao outro. No nosso pensamento deve passar uma cena grandiosa, mas a trama para um primeiro episódio parece fraca e cansativa. Algo que ficou faltando foi uma apresentação mais coerente, pois de acordo com as situações que vão acontecendo não tem uma “explicação” e é como se tivéssemos caído de paraquedas na trama.

Pelo o que pudemos assistir, pouco se é abordado em aspecto de comédia. Como a obra aborda esse cenário turbulento de conflito é natural que ares cômicos fiquem de fora. Algo que chamou muito atenção é o cuidado com o figurino que está impecável. As atuações são boas e convincentes, mas nada muito especial para um episódio.

Assim como todo conflito, tem corrupção e um governo sujo, o grupo que quer fazer revolução, muito sangue e pessoas feridas de ambos os lados. É importante trazer eventos reais como pano de findo para obras como está. Embora tenha começado com bastante ação, algo não deu liga na trama. O primeiro episódio parece ter passado rápido, mas sem deixar aquela sensação de quero continuar vendo. Talvez, no decorrer da temporada esse aspecto mude.

A duração é em média de 45 minutos. A trilha sonora cai bem de acordo com a época retratada, porém alta demais e a paleta de cores sempre indo para tons amarelos e azuis durante a manhã enquanto a noite, tons escuros prevalecem. A direção geral de A Lenda de Lady Ferrari ficou por conta de Konstantin Maksimov. O elenco de coadjuvantes conta com Konstantin Kryukov, Eva Aveeva, Nikolay Dobrynin, Nikita Salopin e Alexander Bukharov.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

Posting....
PT_BR
Sair da versão mobile