quarta-feira, 23, setembro, 2020
Início Críticas Primeiras Impressões Primeiras Impressões: Big Little Lies

Primeiras Impressões: Big Little Lies

Baseada no maravilhoso livro homônimo de Liane Moriarty (Título brasileiro: Pequenas Grandes Mentiras), Big Little Lies é a nova aposta da HBO. Com uma trama envolvente e um elenco de peso, a série sem duvidas será mais um sucesso do canal.

A trama gira em torno de um misterioso assassinato ocorrido em um evento na escola infantil. Seguindo a mesma narrativa do livro, o foco se divide entre aprofundar na vida das mães Madeline, Celeste e Jane e mostrar os depoimentos do crime ocorrido. A decisão de manter essa dupla narrativa foi genial, visto que é o que dita o tom de mistério na obra de Liane Moriarty, onde tentamos desvendar quem morreu através dos depoimentos que não constam no final de cada capítulo.

Enquanto tentamos desvendar a identidade do vítima e assassino, vemos as tramas paralelas na vida pessoal dos pais, que é onde habitam as “pequenas grandes mentiras”. Madeline Martha Mackenie (Reese Witherspoon) é uma agitada dona de casa, bem casada e dedicada, criando suas filhas e trabalhando meio período. No dia da orientação escolar, Madeline, que é conhecida por ser um tanto estourada e intrometida, resolve confrontar um carro onde a motorista está falando ao celular e acaba levando um tombo, torcendo o tornozelo e sendo socorrida por Jane Chapman (Shailene Woodley) uma jovem mãe solteira, mãe de Ziggy (Iain Armitage), que acabou de se mudar para lá.

Após deixar as crianças na escola, elas se encontram com Celeste Wright (Nicole Kidman), melhor amiga de Madeline, mãe de gêmeos e casada com o rico e atencioso Perry (Alexander Skarsgård). Linda, graciosa e rica, Celeste parece ter a vida perfeita, com o casamento perfeito. Mas com o tempo iremos descobrir que Perry, mesmo parecendo ser um príncipe de conto de fadas, também possui seus graves defeitos.

Primeiras Impressões: Big Little Lies 1
Big Little Lies: Madeline, Jane e Celeste

Esse piloto apresenta os problemas que irão reger a obra, além do crime, temos a questão de Ziggy ser acusado logo no primeiro contato com os colegas de tentar enforcar Ammabelle (Ivy George), filha da arrogante empresária Renata Klein (Laura Dern). Esse acontecimento desencadeia uma rivalidade entre as mães, revelando questões psicológicas que irão ajudar a entender o que aconteceu no fático evento escolar.

O episódio introduz também as questões pessoais do trio principal, se focando mais em Madeline, que está passando por uma crise de meia idade por ver suas filhas crescendo e revelando algumas questões sentimentais mal resolvidas com seu ex-marido. Apesar disso, ela é muito bem casada com Ed Mackenzie (Adam Scott), que demonstra ser um ótimo companheiro.

Jane revela pouco sobre seu passado misterioso, nada se sabe sobre o pai de Ziggy, porém sabemos que a mudança dela não foi acidental e alguns flashbacks insinuam que a personagem passou por algum grande trauma. Já Celeste tem sua questão principal introduzida, seu problema com o marido é pouco explorado, entretanto bem apresentado em poucas cenas, não deixando dúvidas para o espectador de que ainda terá muito para ver nessa complicada relação.

O ponto forte na obra de Moriarty é o realismo, os problemas pessoais das personagens são muito viáveis de acontecer com qualquer um e isso, junto com o mistério acerca do assassinato, consegue deixar o livro profundo e prender o leitor. A série seguiu o mesmo caminho, mantendo a fórmula de sucesso e também consegue atiçar nossa curiosidade, é praticamente impossível não terminar o episódio querendo desesperadamente assistir toda a temporada.

O visual também é impressionante, a história é ambientada em uma cidade linda, cheia de praias e casas incríveis com vista para o mar, os cenários e fotografia conseguiram representar muito bem a beleza e status dessa cidade. A direção de Jean-Marc Vallée se mostra muito competente, conseguindo aumentar a tensão com cortes estratégicos.

Primeiras Impressões: Big Little Lies 2
Big Little Lies: Perry e Celeste

Claro que o elenco foi a chave de sucesso para a qualidade da série. Com tantos nomes de peso não havia dúvidas sobre a qualidade das atuações e todos entregam muito bem seus papéis, principalmente Kidman e Witherspoon, que conseguem demonstrar problemas profundos apenas com um olhar. Zöe Kravitz, James Tupper, Jeffrey Nordling, Sarah Burns e P.J. Byrne completam o elenco de Big Little Lies,que tem produção executiva de Nicole Kidman e Reese Witherspoon.

Big Little Lies tem potencial para agradar a todos, os que leram a obra original, por estar bem fiel à adaptação, e os que não leram, por conseguir explicar muito bem as complexas questões da trama.

O primeiro episódio da série, composta por 7 episódios com duração de 1 hr, vai ao dia 19 de fevereiro, na HBO.

Veja a ficha técnica e elenco completo de Big Little Lies. 

 

 

Nota do Thunder Wave
Com potencial para agradar aos leitores e não leitores da obra original, Big Little Lies é uma produção de qualidade que sabe manter o suspense.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

Siga nossas redes sociais

7,010FãsCurtir
3,084SeguidoresSeguir
4,362SeguidoresSeguir

Resenha | Com amor, Simon

0
Com amor, Simon é uma história de amor adolescente que aquece qualquer coração e nos faz torcer para que eles fiquem juntos e que consigam superar todos os conflitos, dificuldades e julgamentos que essa nova realidade lhes reserva... todo amor é válido.

The Walking Dead | Cena de momento íntimo causa nojo nos...

0
Cena de momento íntimo entre Negan e Alpha causou reações negativas nos fãs de The Walking Dead. Veja.
pt_BRPT_BR
en_USEN pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave