sábado, 5, dezembro, 2020
Início Críticas Primeiras Impressões Primeiras Impressões: Designated Survivor

Primeiras Impressões: Designated Survivor

“Durante o discurso sobre o Estado da Nação um membro do ministério é mantido em um local secreto. No caso de uma catástrofe atingir o governo, aquele ministro torna-se o presidente. Ele é chamado de Sobrevivente Designado (Designated Survivor)”.

Quem diria que algum dia iríamos ver Kiefer Sutherland virar presidente dos EUA (e assumir usando um moletom!). Em Designated Survivor ele é o ministro escolhido para ficar em segurança durante o discurso. Nessa apresentação, o tão temido ataque acontece e Tom Kirkman (Sutherland) é obrigado a assumir às pressas a presidência dos Estados Unidos, no meio de uma situação extremamente caótica- e levando sua família junto para essa bagunça.

designates-survivor

Embora pareça incrível virar presidente da noite pro dia, Designated Survivor deixa claro que não é. Kirkman era ministro da habitação, e agora, com o Presidente e seus sucessores mortos, se vê no meio de uma guerra prestes a estourar sem possuir nenhuma experiência em comandar. Cabe a ele comandar as investigações sobre o ataque, acalmar a população e ainda lidar com o nervosismo da própria família, afinal, sua esposa Alex Kirkman (Natascha McElhone), seu filho adolescente Leo (Tanner Buchanan) e sua pequena Penny (Mckenna Grace) também foram forçados a encarar tudo isso e serem carregados para a casa branca.

Como se toda essa tensão já não fosse o suficiente, ainda há boatos de que o ataque foi preparado com intenções de deixa Kirkman assumir a presidência, já que ele foi demitido no dia anterior e nomeado do nada para esse cargo. Paralelamente, vemos algumas cenas do local do ataque, agora destruído, enquanto acham pistas e tentam encontrar sobreviventes. Será que há uma esperança de alguém no poder ter sobrevivido?

critica-designated-survivor

Todos esses elementos tornam Designated Survivor a estreia mais interessante dessa Fall Season. Com um ritmo alucinante, intercalando a parte policial com política, a série se parece um pouco com Quântico, com uma dose maior de questões políticas.

O criador David Guggenheim mostra que pensou muito bem no que estava fazendo, apresentando nesse episódio o drama de Kirkman, mas deixando muitas subtramas para serem resolvidas. As questões de quem foi responsável pelo ataque, o deixar a entender que a pose de Kirkman era intencional, a investigação nos escombros, o drama familiar dos Kirkmans e mais algumas conspirações que prometem se formar deixam muito assunto para ser resolvido nessa temporada, sem se tornar cansativa.

Designated Survivor estará em breve no catálogo da Netflix

Nota do Thunder Wave
Politica, profunda e interessante, Designated Survivor é uma estreia muito promissora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

Siga nossas redes sociais

6,970FãsCurtir
3,084SeguidoresSeguir
4,355SeguidoresSeguir

Crítica | O Gambito da Rainha

0
É uma produção que aborda como a genialidade feminina é moldada e desenvolvida. E por isso a ficção é tão importante, pois inspira mudanças. A série pode ter um contexto antigo, mas as tramas abordadas são tão atuais quanto naquela época. Se esse era ou não o propósito, não sabemos, mas desconfiamos. Bem produzida e com poucas, quase inexistentes, escorregadas, a trama de sete episódios de aproximadamente 60 minutos, O Gambito da Rainha é divertida, misteriosa, inspiradora e relevante pelos assuntos tratados.

The Walking Dead | Cena de momento íntimo causa nojo nos...

0
Cena de momento íntimo entre Negan e Alpha causou reações negativas nos fãs de The Walking Dead. Veja.
pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave