quarta-feira, 20, outubro, 2021

Primeiras Impressões: The Tick

Baseada no personagem criado por Ben Edlund, a nova série da Amazon é uma sátira aos super-heróis

Criado em 1986,pelo cartunista Ben Edlund, The Tick era um mascote da editora americana New England Comics que nasceu como uma paródia aos super-heróis e ganhou seu próprio quadrinho em 1988. O personagem chegou a ter uma curtíssima série em 2001 e agora retorna pelas mãos da Amazon.

Com um tom muito informal, o piloto de The Tick apresenta o contador Arthur (Griffin Newman), que possui uma grande obsessão por Terror (Jackie Earle Haley), um vilão considerado morto que ele acredita ainda estar vivo e tramando seu retorno. Em uma de suas buscas secretas para tentar provar sua teoria, Arthur encontra o estranho Tick (Peter Serafinowicz), um super-herói que acredita que eles foram ligados pelo destino e agora pretende se aliar ao contador.

Primeiras Impressões: The Tick 1
A obsessão de Arthur | Imagem: Amazon

O episódio apresenta exatamente o que esperar da série: uma combinação de sátiras que pendem pro absurdo contrastando diretamente com o lado racional. Em um mundo onde super-heróis são comuns e somos apresentados a um carrapato azul com super força, o equilíbrio é mantido pela suposta doença psicológica de Arthur, que não sabe até onde o que está vendo é real ou apenas uma peça de sua mente.

A justificativa para os distúrbios psicológicos do personagem é o ponto alto desse piloto, sendo extremamente bem colocada e de quebra fornecendo o balanço necessário e justificado entre o real e o imaginário.

A série enfim teve uma temporada completa produzida, mas não há como dizer os próximos episódios pretender tratar o Tick como um super-herói comum, apenas dando um ar cômico aos elementos clássicos da temática, ou irão tratar mais a fundo a relação realidade vs fantasia causada pela obsessão de Arthur.

Primeiras Impressões: The Tick 2
Tick | Imagem: Amazon

De qualquer maneira, The Tick tem potencial, porém pende e muito para o lado da comédia. A sátira contida no personagem é o único chamativo da obra, tendo os outros argumentos apenas como base sólida para sustentar a trama. Dessa maneira, a produção se torna interessante e divertida, mas não chega a ser algo surpreendente.

Nota do Thunder Wave
A série é uma boa sátira aos super-heróis, porém não é supreendente

Artigos Relacionados

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

Instagram

Bombando

Mais vistos da semana

Siga Nossas Redes

Tem conteúdo exclusivo por lá
6,914FãsCurtir
2,959SeguidoresSeguir
4,239SeguidoresSeguir

Recentes

Conteúdo fresquinho

Thunder Fic's

Tudo sobre roteiro
pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave