segunda-feira, 17, maio, 2021

Resumo

Agora e para sempre, Lara Jean é um desfecho real que foca no amadurecimento da protagonista. Com situações emocionante, altos e baixos e novas descobertas, a trama finaliza com chave de ouro. É uma boa leitura.

Resenha | Agora e para sempre, Lara Jean

Esse é o livro mais maduro da trilogia. Como Lara Jean mudou! Ela não é mais a menina assustada, insegura e de poucos amigos. Agora ela tem amizades verdadeiras, uma família que a ama e a apoia. Seu namoro com Peter segue firme e forte, seu relacionamento com a família também está às mil maravilhas. Mas como era de se imaginar, nem tudo são flores e Lara Jean terá muitas reviravoltas em sua vida. Escrito por Jenny Han, o livro é publicado pela Intrínseca.

Leia também Crítica | Agora e para sempre, Lara Jean

Nesse último capítulo, o pai de Lara Jean está prestes a se casar novamente e sua madrasta será sua vizinha de longa data, a sra. Rothschild. E esse acontecimento está deixando LJ nas alturas. Além disso, a nossa protagonista está no último ano e logo estará na faculdade e por isso, esse é um livro bem movimentado, tem a excursão para Nova York, o baile, a formatura, a Semana na Praia e o momento mais incrível da vida: a viagem para a Coreia com as irmãs.

Porém, também temos um momento bem difícil e Lara Jean precisa reavaliar tudo o que achava que queria. Os planos que ela e Peter traçaram precisarão ser revistos e as dúvidas surgirão a partir daí. Um dos questionamentos que a trama levanta é como lidamos num relacionamento com alguém. Será que devemos atingir as expectativas do parceiro ou se arriscar e fazer o que queremos de verdade? E esse é o momento que Lara Jean se dá conta de que a vida não é um mar de rosas.

Foi tolice achar que poderíamos ser exceção à regra? (…) De repente, parece que toda decisão que tomamos é vital, e fico morrendo de medo de tomar a errada.

A protagonista precisa fazer suas próprias escolhas baseadas naquilo que ela gosta, quer e acredita. E a forma como a protagonista se mostra mais forte, mais sábia, mais madura foi um ponto extremamente bem desenvolvido pela autora. Lara Jean se mostra mais decidida e com menos medo de arriscar e isso a torna uma personagem real e cativante. Mesmo com os erros e suas fraquezas, ela se mostra uma pessoa que quer aprender mais com seus erros.

Embora esteja chateada com um plano que poderia ter dado certo, ela se dá conta de que aquele não era pra chamar de seu e assim como LJ, nós precisamos aprender a lidar com essas frustrações. Além disso, ela está indo para a vida adulta e é preciso se preparar, pois nem sempre tudo será fácil.

No decorrer da trama vemos a relação das irmãs Song amadurecer e se fortalecer e a entrada de Trina (madrasta) que está para casar com o Dr. D. É um momento de muito aprendizado para todos. Outra coisa muito interessante é a forma como LJ lida com isso. Ela realmente nos surpreendeu ao entender seus sentimentos em relação ao casamento de seu pai e as lembranças de sua mãe.

Famílias encolhem e se expandem. Só podemos mesmo ficar felizes, satisfeitos uns pelos outros, pelo tempo que temos juntos.

Em relação a Peter, Lara Jean tem sido uma boa companheira. Ela te incentivado o garotão a se aproximar do pai, deixar as mágoas para trás e construir uma relação verdadeira com ele. Além de estar tentando lidar com os desentendimentos com Peter que sente que eles estão se perdendo. E ele parece estar inseguro diante de toda essa situação. E para amarrar com chave de ouro, LJ está em busca da receita de cookies perfeitos.

A escrita de Jenny Han continua maravilhosa. Enquanto lia consegui lembrar das minhas próprias inseguranças, dos meus sentimentos e me dei conta de que assim como LJ, eu também amadureci e isso é uma sacada genial da autora que faz com que o leitor consiga se ver na protagonista. É possível entender os medos e anseios dela.

Leia também Resenha | P. S.: Ainda Amo Você – Jenny Han

A autora equilibra o acontecimentos legais e não legais que acontecem na trama. A maneira como eles lidam e agem com as situações são bem reais, o modo como a protagonista quer muito (muito mesmo) a aproximação dos dois, mas ao mesmo tempo ela procura entender as hesitações do namorado que só deixam claro como o relacionamento deles foi construído.

Às vezes, eu queria que a gente tivesse se conhecido com vinte e sete anos. Vinte e sete parece uma boa idade para conhecer a pessoa com quem você vai passar o resto da vida. Aos vinte e sete, você ainda é jovem, mas com sorte está a caminho de ser quem você quer ser.

O final é uma incógnita. É condizente com a realidade de Lara Jean. Ela é uma menina de 18 anos que tem uma vida pela frente, um futuro para caminhar e dizer que irá terminar em seis meses ou viver eternamente com PK, seu primeiro namorado, é esperar muito. Nem tudo acontece como queremos e precisamos estar cientes disso. A trama é bem desenvolvida e deixa o leitor com um gostinho de quero mais. Faltou um epilogo, talvez, porque no fundo sabemos como terminou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave