Filmes Críticas

Crítica: A 5ª Onda

0

Baseado no livro homônimo de Rick Yancey, A 5ª Onda (The 5th Wave) está sendo muito aguardado pelos fãs. Com uma proposta um pouco diferente dos companheiros que lidam com o mesmo assunto, A 5ª Onda mostra um ataque alienígena à Terra, porém, divido em ondas.

Cassie (Chloë Grace Moretz) é uma das sobreviventes desse ataque, que por enquanto está na quarta onda. A primeira onda trouxe uma queda de energia em todo o planeta, a segunda onda veio com a destruição por meios de desastres naturais, já a terceira onda foi uma epidemia de um vírus da gripe aviária modificado e por fim, na quarta onda começou a eliminação dos humanos restantes através de caçadores.

Após ser separada de seu irmão caçula, o pequeno Sam (Zackary Arthur), Cassie parte em uma jornada para resgatá-lo. No percurso, ela conhece o misterioso Evan (Alex Roe), que salva sua vida e promete ajudar em sua missão. Paralelamente, conhecemos a base de resistência, onde Ben Parrish (Nick Robinson) está sendo treinando, junto de outras crianças, a mando do Coronel Vosh (Liev Schreiber). Enquanto tentamos descobrir qual será a quinta onda, e em quem podemos confiar, Cassie continua em sua busca pelo irmão.

Como toda adaptação, A 5ª Onda sofre algumas mudanças em relação ao livro. Não considerei nenhuma delas muito graves, mas me incomodou tirarem as dicas que Rick dá na sua obra para nos ajudar a descobrir algumas questões importantes. Uma diferença crucial que podemos notar no longa é o corte de muitos momentos de transição, que eram realmente desnecessários, mas acabaram deixando o final um pouco corrido demais.

O problema de A 5ª Onda, tanto no filme como no livro, é a proposta pouco convincente. Sei que muitos fãs irão reclamar do que vou falar, mas esse ataque deixa a desejar nas explicações. Por mais que o autor tenha colocado várias razões para terem usados as ondas contra a Terra, sempre fica uma pontinha de dúvida sobre a necessidade delas e a razão de não terem destruído toda a raça humana de uma vez.

A produção em sí é muito boa. Os efeitos são muito bem utilizados, a fotografia não deixa nada a desejar e a maquiagem faz bonito em seu trabalho. Para quem quer passar uma tarde no cinema e curtir um filme com boas atuações, um lindo cenário e um pouco de ação, A 5ª Onda é uma boa escolha.

A 5ª Onda estreia dia 21 de janeiro nos cinemas brasileiros.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

Posting....
PT_BR
Sair da versão mobile