quarta-feira, 30, setembro, 2020
Início Filmes Críticas Crítica: Orgulho e Preconceito e Zumbis

Crítica: Orgulho e Preconceito e Zumbis

Jane Austen é uma autora maravilhosa. Seus romances são apreciados até hoje e não é por acaso, sua escrita profunda e detalhista conquista rapidamente. Talvez por isso não consigam deixar suas histórias em paz e Orgulho e Preconceito é, de longe, a mais adaptada. Já existem filmes, séries e até mesmo reescritas do livro, como é o caso de Orgulho e Preconceito e Zumbis, escrito por Seth Grahame-Smith, que acaba de ser adaptado para o cinema.

Orgulho e Preconceito e Zumbis (Pride and Prejudice and Zombies) reconta o clássico Orgulho e Preconceito, acrescentando zumbis no contexto, por isso a premissa principal de Austen continua a mesma.  As irmãs Bennet estão em busca de um bom marido, para isso vão ao baile do recém-chegado Mr. Bingley (Douglas Booth). Lá, conhecem o orgulhoso Mr. Darcy (Sam Riley), com quem Elizabeth Bennet (Lily James) começa uma relação de amor e ódio, enquanto sua irmã mais velha, Jane Bennet (Bella Heathcote) começa um relacionamento com Bingley.

Orgulho e Preconceito e Zumbis Darcy
Darcy e Bingley

Porém, as coisas aqui são mais sombrias e Mr. Darcy é também um coronel/caçador de zumbis. Em todos os eventos sociais algum ataque acontece, garantindo as cenas de ação, e a população passa boa parte de seu tempo treinando para matar os mortos-vivos ou tentando descobrir como acabar com essa epidemia.

Orgulho e Preconceito e Zumbis não é uma paródia, é uma obra encarada como séria, mesmo que tenha um alívio cômico em alguns momentos. Aqui, tudo acontece normalmente e as risadas ficam por conta de algumas falas apenas, boa parte delas a cargo de Matt Smith, que deu uma atuação maravilhosa em uma versão bem diferente de Mr. Collins. O modo como a obra foi adaptada funciona, diferente do livro que é basicamente reescrito, o roteiro conseguiu ser satisfatório e sem buracos.

Orgulho e Preconceito E Zumbi

Mas nem tudo é perfeito em Orgulho e Preconceito e Zumbis. As atuações principais não se destacam, sendo bem comuns, e os efeitos poderiam ser bem melhores. Isso deixa o filme na categoria “bom passatempo”, agradável de se ver para passar um tempo, mas nada marcante.

Com direção de Burr Steers, Orgulho e Preconceito e Zumbis estréia nessa quinta, 25, nos cinemas brasileiros.

Veja a ficha técnica e elenco completo de Orgulho e Preconceito e Zumbis

Nota do Thunder Wave
O longa consegue melhorar a qualidade em relação ao livro, mas não passa de um entretenimento básico apenas para passar o tempo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

Siga nossas redes sociais

7,008FãsCurtir
3,084SeguidoresSeguir
4,359SeguidoresSeguir

Crítica | Magnatas do Crime

0
O longa de Guy Richie de 2019, chega finalmente ao Brasil. Magnatas do Crime é um filme que mistura comédia com boas...

The Walking Dead | Cena de momento íntimo causa nojo nos...

0
Cena de momento íntimo entre Negan e Alpha causou reações negativas nos fãs de The Walking Dead. Veja.
pt_BRPT_BR
en_USEN pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave