Resumo

Mulheres Invisíveis é uma obra consistente e prática, que usa de dados comprovados para apontar o erros da uma sociedade que menospreza as mulheres e ainda propõe práticas para resolver o problema.

Resenha | Mulheres Invisíveis – Caroline Criado Perez

O patriarcado, ainda muito presente na nossa sociedade, abriu várias discussões sobre igualdade e direitos das mulheres. Existem inúmeras declarações criticando a desigualdade no tratamento, principalmente no âmbito comercial, entre homens e mulheres, que são apenas a ponta do iceberg em relação a todos os menosprezos que o sexo feminino vem sofrendo ao longo dos anos.

Caroline Criado Perez, em seu livro Mulheres Invisíveis, trata dessas questões nos mínimos detalhes, usando de dados para mostrar as incontáveis situações em que as mulheres de fato se sentem invisíveis. A autora se basea na triste estatística onde mostra que 50% da população humana está subrepresentada em diversos bancos de dados, análises e tomadas de decisão- são as mencionadas Mulheres Invísiveis-, para escrever essa obra que expõe os dados e abre mentes sobre esse importante assuntos.

Na realidade, Mulheres Invísiveis é sobre a falta de dados. Perez apresenta o quanto o foco no masculino causou um desfalque em informações sobre o feminino. Através dos escassos dados, a autora consegue montar um painel geral robusto e assustador do quanto a diminuição da mulher na sociedade é sistêmica e profundamente enraizada.

Perez desafia conceitos, criticando constamente a falta de dados que tanto prejudica as mulheres. Chega a ser uma leitura revoltante, pois mesmo as mulheres mais engajadas em lutas femininas vão encontrar menções absurdas de estudos que foram deixados de lado para as mulheres. São os chamados “critérios objetivos”, usando análise de dados, que na realidade foram decididos por homens com foco na vida masculina, sem levar em conta diversas nuances da vida feminina, e isso foi tornando as questões femininas cada vez mais esquecidas.

O livro discute inúmeros exemplos desta sistêmica falta de dados femininos, que vão desde aspectos mais simples, como escolher um caminho para casa, até os mais violentos, como violências sexuais e físicas. Os mais chocantes são os relacionados a ciência, que mostra além da falta de representatividade feminina nesse campo, apresenta também como as pesquisas do sistema do sexo femino foi deixada de lado, levando até a área médica em desfalque nesse conhecimento. As questões orçamentais e burocraticas nesse assunto são realmente chocantes, que levam até mesmo a morte de muitas mulheres por tratamentos inadequados.

A autora não apenas discute esse assuntos, ela traz dados e mais dados para corroborar suas argumentações. E também vai além de apenas apontar os problemas. Ela sugere alguns questionamentos cruciais e simples para que as análises de tudo pelo mundo sejam mais inclusivas.

Mulheres Invísiveis é um livro prático e incrivelmente informativo, que abre questionamentos que precisam ser comentados e levados muito a sério. É uma leitura praticamente obrigatória, para ambos os sexos, que mostra o quanto ainda precisamos evoluir em relação aos dados e pesquisas femininas em nossa sociedade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

Mulheres Invisíveis é uma obra consistente e prática, que usa de dados comprovados para apontar o erros da uma sociedade que menospreza as mulheres e ainda propõe práticas para resolver o problema. Resenha | Mulheres Invisíveis - Caroline Criado Perez
pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave