Resenha: O Crime do Restaurante Chinês

1
3403
O Crime do Restaurante Chinês Book Cover O Crime do Restaurante Chinês
26/10/2018
Guilherme Fonseca
Guilherme Fonseca

Corací, um jovem mineiro que acaba de chegar na cidade, está distraído demais para perceber  que é perigoso navegar em águas turbulentas. Maria Xiu e Kim Shenzen administram o restaurante típico chinêda família. O lucro é compartilhado com os primos e tios. Mesmo assim, faturando alto, a família de Maria Xiu quer que o restaurante retorne às origens. O fiscal da prefeitura está no pé do casal. Os donos dos restaurantes no entorno promovem reuniões secretas. Ameaças anônimas chegam a todo instante. Mesmo quem sempre foi amigo agora os trata como invasores. A cidade grita enquanto os três fazem de conta que está tudo bem. Uma névoa adensa a cidade."  

 

Em 1938 o restaurante Órion, na praça da Sé, foi palco para um chocante crime. Em pleno carnaval, quatro pessoas foram assassinadas no local. A investigação concluiu que o culpado foi o ex funcionário Arias de Oliveira, que tinha sido demitido na noite anterior e retornou, dizendo que não tinha lugar para dormir, apenas para assaltar o estabelecimento. Durante a madrugada, matou a pauladas os dois funcionários que também dormiam ali e casal de imigrantes chineses donos do restaurante.

Esse é o caso real, que inspirou a graphic novel O Crime do Restaurante Chinês. Trazendo uma nova versão dos acontecimentos, a HQ apresenta Corací, um jovem mineiro que tem sua infância narrada para, posteriormente, ter uma grande participação no crime. O personagem, totalmente fictício, aproveita para abordar algumas questões de racismo e também serve para mostrar a farra das festas na época.

Ao se mudar para São Paulo, Corací se torna amigo de Shenzen, um imigrante chinês com uma interessante história sobre sua travessia no navio. Shenzen se casa com Maria Xiu, dona do restaurante chinês, que precisa de um marido para que a família não tente pegar o estabelecimento, e leva Corací para trabalhar com eles. Porém, o local sofre constantes ameaças de um perigoso assassino e um crime horrendo irá acontecer ali.

As mudanças com o fato deixam a HQ realmente interessante, já que apenas narrá-los seria um tanto mórbido. Corací acaba se envolvendo no crime por questões diferentes- e intrigantes-, e o roteiro ainda aproveita para fazer uma critica pesada ao preconceito na época.

Guilherme Fonseca, que se encarrega dos lindos desenhos e do roteiro, realizou uma profunda pesquisa sobre a cidade nos anos 30 e transmite essa ambientação para as páginas da revista. Com lindos desenhos da praça da sé e representações da época, O Crime do Restaurante Chinês se mostra visualmente uma linda HQ com um gostoso fundo cultural.

O Crime do Restaurante Chinês é uma Graphic Novel que não perde nada para as publicações das grandes editoras. Com um roteiro bem trabalhado em cima de um fato interessante, e uma arte de encher os olhos, é um quadrinho ótimo para apreciar o talento brasileiro.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui