quarta-feira, 23, setembro, 2020

Resumo

O segundo volume mostra um grande amadurecimento, da trama, dos personagens e dos assuntos abordados.

Resenha | P. S.: Ainda Amo Você – Jenny Han

P.s: Ainda Te Amo é a continuação da trilogia escrita por Jenny Han. Esse livro se passa pouco tempo depois do final do primeiro volume. A partir de agora já sabemos que foi Kitty quem enviou as cartas de LJ e tudo isso por vingança. Além disso, Lara Jean e Peter estão brigados, ou seja, eles não terminam juntos como mostra o filme do primeiro livro.

Porém, Lara Jean está mais decidida a fazer as pazes com Peter. Ela decide escrever uma carta se declarando e quase desiste de entregar mas Peter a perdoa e eles percebem que o sentimento que nutrem um pelo outro é mais intenso do que eles mesmo imaginavam. Agora eles podem se amar livremente e se assumirem. Lembrando que um novo contrato é assinado.

Pois bem, está tudo perfeito até que Lara Jean sofre um grande impacto emocional: viralizou um vídeo de um momento íntimo dela com Peter na viagem da escola. Eles estão se beijando num ofurô. Todos começam a cochichar e a fazer comentários ruins sobre ela e insinuam que eles tenham feito sexo, embora não tenham feito. Com Lara Jean completamente abalada, Peter promete que irá encontrar o responsável pelo vídeo postado e quem espalhou esse boato maldoso e LJ fica mais aliviada.

Podemos perceber ao ler a trama, que não apenas a personagem LJ está mais madura mas a escritora também amadurece neste livro. Ela levantou um tema muito pertinente e atual que é o fato de que se um homem tem relações intima com as mulheres, ele é o “cara” ou o “garanhão” e o julgamento em relação à mulher é muito cruel, somos consideradas safadas ou “fáceis”. Não é a toa que o movimento “Girl Power BBB20” tem levantado debates na sociedade. Por que a sociedade está sempre pronta para envergonhar a mulher e aplaudir o homem por gostar de sexo? Nesta obra, temos uma abordagem sobre um relacionamento amoroso mais profundo… Coisas simples como beijar, andar de mãos dadas, ciúmes, quão apaixonadas devemos estar para avançar o nível namoro e a tão esperada primeira vez. É um momento único e que toda mulher esperar ter com alguém que seja tão especial quanto o momento. É algo para ser lembrado com ternura e doçura, afinal é o desabrochar de uma nova etapa na vida de uma mulher. 

“Você me libertou, Peter. Me deu minha primeira história de amor.”

Vemos um namoro dos sonhos acontecendo mas Lara Jean tem suas inseguranças e como toda mulher que está desabrochando ela manifesta seus incômodos. Peter ainda tem Genevieve muito perto de si e LJ não se sente tão confortável com isso, no entanto, empurra a situação com a barriga. Bom, elas eram amigas que não se desgrudavam, porém algo acontece e a amizade entre elas estremece até que elas param de se falar. E o ciúme e a desconfiança ficam insuportáveis a ponto de LJ não querer mais se relacionar com Peter. Isso acontece muito nos relacionamentos atuais. Às vezes é a nossa insegurança que nos impede de sermos felizes. Lara Jean num certo tempo comenta que se ela tivesse deixado de sempre por “Gen” nas situações… Talvez o término com Peter não tivesse acontecido. O fato de desconfiar dele revela o quão incerta de seus sentimentos por ele, ela estava. Por outro lado, vemos um Peter amarrado emocionalmente com a ex. Por mais que o motivo fosse nobre, ele deveria ter sido mais honesto com LJ que esperou por alguém inteiro e não pela metade. E nessa bagunça emocional surge John Ambrose McClaren que põem em dúvida todas as certezas que aparentemente LJ tinha e um triângulo amoroso é criado, dando uma encorpada na vida amorosa de Lara Jean.

Algo inesperado surpreende os leitores desse romance dos sonhos. Nesse meio tempo, LJ começa a trabalhar como voluntaria numa casa de repouso para idosos em Belleview. Lá como professora de Scrapbooks, LJ passa a ter uma relação mais próxima com Stormy, uma mulher bem a frente de seu tempo e que foi apresentada brevemente no livro anterior. Já nesse segundo livro, ela é de presença constante. A senhorinha que mora na casa de Belleview tem todas as características de uma lady dos anos 1950 e é louca pela vida. Ela soube muito bem aproveitar sua adolescência e com isso sabe de cada pretendente que já passou por sua vida. Além disso, sabe dar os melhores conselhos para LJ que fica estupefata com a experiência dela. O mais encantador nessa personagem é que ela tem uma força e uma coragem muito viva. Ela tem um discurso de liberdade muito atual. Ela acredita que a mulher pode fazer o que quiser, quando quiser e com quem quiser. Sem ter que ter vergonha e claro com consciência. Ela compartilha com muito orgulho que a mulher deve ter poder sobre o seu próprio corpo, tanto como protegê-lo quanto como se divertir com ele. É interessante a autora ter abordado esse tema que precisa ser mais discutido na sociedade.

“Se as duas pessoas estão destinadas a ficar juntas, elas vão encontrar o caminho uma até a outra.”

Um dos pontos mais importantes neste livro é que a relação entre as irmãs Song fica mais forte e elas conversam sobre tudo que tem acontecido nos últimos meses. Algo muito legal que Kitty e LJ começam a fazer é incentivar o pai delas a se relacionar com alguém, mostrando que mesmo depois de um grande amor ter ido embora, não podemos estar sozinhos o tempo todo e todos sentem falta de uma companhia. Mesmo com um humor ácido, Kitty rende boas risadas e as vezes banca a irmã mais velha.  Stormy de um jeito ou de outro impulsiona a vida de LJ e com seus sábios conselhos, Lara Jean amadurece e se abre um pouco mais para a vida.

Jenny Han tem uma escrita maravilhosa e faz com que o leitor se prenda mais e mais a trama. Como no primeiro livro, esse é escrito também em primeira pessoa com LJ contando abertamente as suas experiências e inseguranças e tanto ela como nos chegamos à mesma conclusão: teve sim um amadurecimento não só da personagem mas da escritora e do leitor. O amor não é fácil, não é doce e nem é para sempre. O nosso maior amor é conosco. Somos responsáveis por nossa própria felicidade. Outro detalhe mega importante: culinária. Pelas mãos de Lara Jean, Jenny Han nos apresenta deliciosas receitas de bolos, cookies e biscoitos. As receitas são tão presentes na trama que a Editora Intrínseca lançou um mini livro de receitas, com todas as receitas que a personagem faz nos livros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

pt_BRPT_BR
en_USEN pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave