Resenha: Thor- O Cerco

0
23675

 

Thor: O Cerco é o novo encadernado da Panini, do selo Marvel Deluxe, reunindo as edições Thor 601 a Thor 610, Thor Giant-Size Finale, Siege: Origins, Siege: The Cabal, Siege 1 a 4, Siege: Loki e New Mutants 11.

Esse volume une as HQ’s de J. Michael Straczynski que ditam a sina de Asgard após os acontecimentos narrados pelo mesmo roteirista em Thor: O Renascer dos Deuses e Thor: Em Nome do Pai.

Balder está comandando os Asgardianos em Latvéria, mas só agora descobre as verdadeiras intenções do Dr. Destino em relação ao seu povo, iniciando um violento conflito entre asgardianos e latverianos. Loki, sempre metido em tudo com suas manipulações, participa deste conflito com suas trapaças, porém o Deus tem algo maior em mente.

Loki então manipula Norman Osborn, atual diretor da segurança nacional dos Estados Unidos e líder dos Vingadores, convencendo-o a eliminar Asgard, que está localizada acima de Broxton. O ataque de Osborn toma incríveis proporções, deixando toda a população em risco e por isso, alguns outros heróis que estavam fora de cena retornam para ajudar no combate.

Thor o cerco

Iniciei a leitura desse quadrinho sem saber a importância dele em todo o Universo Marvel. Não imaginei que uma história do Deus do Trovão pudesse afetar tanto os acontecimentos da Terra, mas O Cerco me provou que isso é possível. Notamos que ainda há consequências da Guerra Civil aqui, mesmo que muita coisa já tenha sido resolvida até então, há muitas referências a ela, até mesmo Loki se baseia na guerra para arquitetar seu plano. Mais do que isso, ela possui alguns acontecimentos chaves para a nova fase da Marvel. Citando alguns exemplos sem dar spoilers, posso dizer que pessoas há muito desaparecidas retornam aqui e explicações preciosas sobre a reformulação dos Vingadores também são encontradas.

Encadernados são sempre maravilhosos para se acompanhar um evento, já que reúnem todas as HQ’s relacionadas em uma história contínua, facilitando muito o trabalho do leitor. Porém, uma coisa geralmente me incomoda nelas: a diferença dos traços causada pela mudança do ilustrador. Thor: O Cerco me agradou muito nesse sentido, visto que os traços mudam apenas no último volume, New Mutants 11. As ilustrações são realmente muito bonitas, e seguem um padrão tranquilizador.

Thor O Cerco

Thor: O Cerco finaliza de uma maneira arrebatadora as batalhas iniciadas em Asgard, com um ritmo envolvente e sufocante. É uma leitura obrigatória para os que querem entender melhor a história dos heróis da Marvel e os eventos iniciados na Guerra Civil. Não preciso mencionar que é aconselhável ler os dois volumes anteriores para o melhor entendimento da história, né?

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui