Resenha: Trama – Michael Jensen e David Powers King

4
14011

 

Sempre gostei de obras de fantasia leves, daquelas que são feitas com uma história cativante e fluída, quase um conto de fadas. E é exatamente isso que Trama é, um livro que leva para um reino com cavaleiros e princesas, mas com um enredo diferenciado.

Em Trama conhecemos Nels, um camponês que deseja ser cavaleiro, porém, por uma razão desconhecida por ele, sua mãe não apóia esse sonho. Quando chega o dia do festival da cidade, Nels dá um jeitinho de ir escondido e se vê bem perto de realizar seu sonho… então morre. Sim, o protagonista morre logo no comecinho do livro e isso é o que mais me chamou atenção para essa leitura.

No entanto, Nels não fica realmente morto, ele volta como fantasma. A única pessoa que pode vê-lo é a princesa Tyra, que claramente não quer ajudar um fantasma, e é aí que as coisas ficam engraçadas. Nels fica assombrando a princesa até conseguir o que quer, agora imagine uma pessoa da realeza falando sozinha e gritando com algo que ninguém pode ver, complicado, né? No fim, Nels consegue uma promessa de ajuda de Tyra e os dois descobrem que o camponês está “semi vivo”, mantido em um estado parecido com coma por Ickabosh, através de uma magia conhecida por Urdidura. O livro explica direitinho como funciona, mas, resumidamente, é um tipo de magia feita com fios, parecida com uma costura, e Nels está descosturado. Para voltar à vida, Nels precisa de uma agulha mágica muito cobiçada.

“Tramar é como uma ilusão: você produz o tecido da realidade para mudar temporariamente o que está ao redor.”

Tyra e o fantasma partem em busca do objeto, no caminho vão descobrindo que possuem mais coisas em comum do que imaginam, e também descobrem que um inimigo perigoso está querendo dominar o castelo. Nels e a princesa precisam correr para achar a agulha e salvar a vida do garoto e todos no castelo.

Trama

Trama é voltado para o público juvenil, mas na realidade tem potencial para agradar a todos. O modo como os acontecimentos vão se desenrolando e se mostrando cada vez mais complexos é impressionante. Michaek Jensen e David Powers King narraram essa história de uma maneira tão fluida que parece um filme, não é difícil imaginar os acontecimentos como se fossem cenas em um longa. Além de tudo, é muito original, você pode achar que sabe o que vai acontecer por conta da temática, porém irá se surpreender.

Com personagens cativantes, muita magia e aventura, Trama é uma obra que merece uma chance, mesmo os menos chegados em fantasias podem gostar dessa gostosa e fofa Trama.

4 COMENTÁRIOS

  1. Oie, tudo bem? Não conhecia esse livro, mas confesso que sua premissa me deixou um pouco curiosa para lê-lo. Livros de fantasia sempre têm um lado de mistério e que chamam nossa atenção. Parabéns pela resenha. Beijos, Érika ^^

  2. Oi Taranis,
    Eu já havia visto outros blogs falarem desse livro e tinha ficado curiosa, mesmo tendo achado a capa bem feinha, agora lendo a sua resenha, quero muito fazer essa leitura, beijos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui