sábado, 19, setembro, 2020
Início Colunas Retrô Wave: Top 10 Jogos de Playstation

Retrô Wave: Top 10 Jogos de Playstation

Confira os top 10 Games indispensáveis para quem jogava/joga o primeiro Playstation.

A Eletronic Entertainment Expo (E3) 2013 já acabou, mas a poeira ainda não baixou. A Sony em particular teve uma apresentação brilhante e praticamente humilhou as políticas de uso da concorrente por causa das prévias restrições de uso impostas ao Caixa Xis um Xbox One. O Playstation 4, mais novo console da Sony, foi anunciado e muito bem recebido pelos fãs.

Porém, o primogênito da Sony, lançado em 3 de dezembro de 1994. Quando nem sequer existia E3, e no final de 95 nos EUA. O console vendeu mais de 103 milhões de unidades até 2006 (ano no qual parou de ser fabricado).

Mas, quais foram os títulos de maior destaque no primeiro Playstation?

– Sim, foram inúmeros e a escolha não foi fácil, pois o Playstation, também conhecido como PSOne ou PSX, conta com uma biblioteca gigantesca de bons títulos. O primeiro console da Sony foi fruto de uma não parceria com a Nintendo, pois a big N se recusou a apostar no uso de CD’s como mídia de jogos, mantendo o sistema de cartuchos para o Nintendo 64.

Need For Speed Hot Pursuit 3

Retrô Wave: Top 10 Jogos de Playstation 1

 

O primeiro jogo da franquia Need for Speed, foi sinônimo de inovação nos jogos de corrida ilegal, pois contava com perseguições e armadilhas policiais, tudo para atrapalhar e tentar impedir os rachas pela cidade. Além da modalidade single-player, o jogo oferece possibilidade de disputas acirradas no modo para dois jogadores. O game foi produzido pela Eletronic Arts (EA Games) e lançado em outubro de 1998.

 

The King of Fighters 97

tkof

Longe de ser o primeiro jogo da franquia, o The King of Fighters 97 (KOF 97) é o resultado do aprimoramento de controles duros e escassez de personagens dos títulos predecessores, e claro abundância de movimentos especiais. A ideia é fazer um grande torneio com lutadores de algumas franquias da SNK, sendo as principais: Art of Fighting e Fatal Fury. O crossover (Jogo que reúne personagens de games distintos) se tornou bastante popular em fliperamas, mas seu sucesso se estendeu aos videogames e o game de luta se tornou bastante popular na plataforma da Sony.

 

Digimon World 3

Retrô Wave: Top 10 Jogos de Playstation 2

Produzido pela Bandai em 2002, o game se distancia drasticamente da mecânica dos títulos anteriores. Três jovens decidem entrar no jogo online de Digimon, que se trata de um mundo virtual a princípio apenas para jogar, mas o enredo ganha proporções maiores quando um grupo terrorista invade o sistema do Digimundo e impede que o protagonista e seus amigos saiam da rede. O game tem sistema de batalhas por turno, exploração, itens, equipamentos e outros elementos importantes de RPG e Digimon simultaneamente. O estilo “babá de Digimon” só foi empregado no primeiro jogo da série e só viria a ser usado em Digimon World Re:digitize lançado para PSP em 2012. Há as batalhas com card que estimulam o jogador a cumprir missões alternativas e ajudam a colecionar itens diferentes e mais cartas. No geral é um jogo bastante equilibrado, mas também bastante longo.

 

Crash Bandicoot

Retrô Wave: Top 10 Jogos de Playstation 3

Lançado em 1996, Crash Bandicoot foi um dos primeiros jogos de aventura em 3D. Produzido pela Naughty Dog, é protagonizado pelo marsupial Crash Bandicot, um verdadeiro mascote para o Playstation. Teve uma repercussão tão positiva que ganhou várias sequências e um excelente jogo de corrida que possibilita quatro jogadores simultâneos ainda para o PSX. Mas, o Crash se manteve nos mesmos padrões quando ingressou no Playstation 2.

 

Resident Evil 2

Retrô Wave: Top 10 Jogos de Playstation 4

Resident Evil 2 é continuação direta do primeiro jogo, e cronologicamente relata fatos acontecidos 2 meses após a descoberta do T-Vírus produzido sob ordens da Corporação Umbrella numa mansão. A delegacia decadente é um lugar excelente para a trama, o ambiente é extremamente sombrio. Os corredores estreitos são propícios para as cenas de terror e para manter um clima de tensão durante o jogo, honrando o estilo de sobrevivência e horror. O clássico da Capcom, lançado em 1998, é indispensável para donos do Playstation, ou quem quer conhecer a série a fundo, e devido ao seu sucesso foi adaptado para outras plataformas e possui versões para: PC, Nintendo 64, Playstation Network e Gamecube.

Megaman X4

Game-Megaman-X4-For-PC

A estreia da franquia Megaman X em 1997, produzida pela Capcom, no console da Sony conta com um enredo envolvente que é apresentado em forma de animações. A possibilidade de escolher Zero como protagonista, o robô vermelho durão (sem macetes como no Megaman X3), pareceu dar a ele maior destaque no título. A história de Zero é mais completa e intrigante que a do próprio Megaman X. A mecânica se mantém similar à dos antecessores, com oito estágios selecionáveis a qualquer momento tendo respectivamente um chefe (Maverick) cada, porém com maior qualidade de som, gráficos, jogabilidade, efeitos, opções de dificuldade e claro, uma história detalhada se comparada aos predecessores.

Final Fantasy IX

Retrô Wave: Top 10 Jogos de Playstation 5

O game da Square Enix, lançado em 2000, usa o máximo da capacidade gráfica do Playstation. Primeiro Final Fantasy (FF) que possibilita batalhar em multi-player cooperativo, embora a opção seja “escondida” por não ser divulgada nos tutoriais do jogo. A trama segue o estilo FF, pois se inicia com uma missão local, mas acaba se engrenando em fatos que envolvem o mundo inteiro.

Os personagens são extremamente carismáticos, e há grande foco nos seus dilemas pessoais e divergências de personalidade, de forma mais dramática ou bem-humorada. As habilidades de luta entre os protagonistas são as mais diversas, abrindo um grande leque de estratégias possíveis. A trilha sonora foi produzida pelo compositor da Square Enix, Nobuo Uematsu, e é muito bem ambientada às situação vividas e aos lugares visitados, combina perfeitamente com os cenários e períodos do dia. O game é bastante longo e teve que ser divido em quatro CD’s.

 

Chrono Cross

520-chrono-cross-007-cwjtnTambém produzido pela Square Enix e lançado em 2000, Chrono Cross causa fortes impressões já na abertura, que inicia com uma música triste e melancólica acompanhada por uma animação lenta, mas em determinado ponto irrompe com trechos marcantes da aventura, e evidentemente há uma drástica mudança no ritmo musical para acompanhar as imagens. As batalhas, assim como em Final Fantasy, são por turnos, mas usam diferentes aspectos que dão níveis aos ataques (1, 2 e 3) e consomem, dependendo da potência, mais ações incluindo o uso de elementos que funcionam como espécie de mágica ou itens descartáveis.

O jogo tem uma enorme variedade de personagens jogáveis, porém há aqueles de maior destaque na trama. Os cenários são atrativos para exploração e acompanhados por trilhas sonoras que conduzem os contextos com maestria.

 

Castlevania Symphony of The Night

castlevania-symphony-of-the-night_0001

Completamente diferente de seus antecessores, produzido pela Konami e lançado para Playstation em 1997, Castlevania Symphony of The Night (Sotn) adicionou importantes elementos de RPG à franquia de aventura e ação. Mais uma vez o castelo de Drácula surge aterrorizando a Transilvânia, porém não aparece nenhum membro da família Belmont para detê-lo, mas alguém tem que fazê-lo.

O protagonista Adrian Fahrenheit Tepes, mais conhecido como Alucard, se posiciona contra o reinado tirânico e de horror de seu pai mais uma vez (pois já se opôs a Drácula uma vez em Castlevania Dracula’s Curse para Nintendo). O enredo é ilustrado através de diálogos dublados e transcritos e poucas animações tridimensionais, no começo, meio e ao final do jogo. O sistema de exploração é bastante similar ao de Super Metroid para Super Nintendo, mas é mera coincidência. Os cenários ricos em detalhes fúnebres, como quadros e esculturas dantescas, são embalados pela trilha desenvolvida pela compositora Michiru Yamane, adequando muito bem os sons ambientes ao que é visto.

O meio-vampiro dispõe de uma enorme variedade de armas e outros equipamentos, além de um sistema de level que facilita o progresso em algumas áreas do jogo como num RPG. Alguns aspectos parecem ter sido finalizados às presas, mas isso não faz com que o jogo perca seu prestígio e esses detalhes são facilmente ignorados por fãs.

 

Final Fantasy VII

images

A estreia de Final Fantasy no Playstation ocorreu com o lançamento do sétimo jogo da série em 1997, as vendas ultrapassaram a marca dos 2,5 milhões de cópias em apenas um final de semana e à época estimulou as vendas do console da Sony. O jogo foi um dos primeiros a apostar em tecnologia 3D. Assim como em outros jogos da franquia o enredo começa de forma tímida e depois de algum desenvolvimento ganha proporções inimagináveis. O antagonista, Sephiroth, psicopata megalomaníaco, está entre os vilões mais famosos da história dos videogames.

Os desenvolvedores afirmaram que Final Fantasy VII só ganhará um remake quando for superado na franquia, o que significa que o game ainda é considerado o melhor Final Fantasy de todos. E particularmente, pelos novos rumos que a franquia tem tomado parece ser bastante difícil que o game seja superado tão cedo.

O sistema de batalha é por turnos e usa de um artifício chamado Materia para ações com poder mágico ou evocações e outras habilidades, podendo ser equipadas em qualquer personagem de acordo com as estratégias do jogador. O enredo inicial se foca tempo de grande avanço industrial a custo do desgaste de recursos ambientais ocasionados pela corporação Shin-ra.

A trilha sonora envolvente foi criada por Nobuo Uematsu, compositor da Square Enix, e consegue transmitir bem os dilemas e tragédias da trama central.

 

Zeus (aka Igor Sanches)

18 COMENTÁRIOS

  1. Cara quando eu vi o Final Fantasy IX fiquei grilado axando q nao ia aparecer o VII =)
    mas eu nao iria colocar digimon 3…
    o Digimon World é bem melhor q o 3…
    E sim Douglas de Souza com certeza Driver II no lugar de Need!

  2. Eu joguei todos os FF, todo mundo diz que o 7 é legal e tals, mas pra mim foi o pior FF que joguei, não vi nada de divertido, o 8 e o 9 eu acho bem superiores em diversão e tudo mais ~opinião~

    • Infelizmente faltou espaço para esses clássicos. Muito provavelmente estariam inseridos numa lista de top 20, ou então caso eu os tivesse colocado em menções honrosas. Resident Evil um é, evidentemente um ótimo jogo, mas como o 2 é melhor em alguns quesitos como história, jogabilidade, câmera etc, achei injusto colocar 2 jogos da mesma franquia sem uma graaaaaande diferença nesses aspectos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

Siga nossas redes sociais

7,011FãsCurtir
3,084SeguidoresSeguir
4,361SeguidoresSeguir

Brooklyn Nine-Nine | Série exibirá episódio sobre brutalidade policial na 8ª...

0
Brooklyn Nine-Nine vai exibir uma história sobre a brutalidade policial na 8ª temporada. Depois de supostamente desfazer-se de pelo menos quatro episódios...

The Walking Dead | Cena de momento íntimo causa nojo nos...

0
Cena de momento íntimo entre Negan e Alpha causou reações negativas nos fãs de The Walking Dead. Veja.
pt_BRPT_BR
en_USEN pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave