Os fãs de Kary Perry podem comemorar pois o clipe de Chained to the Rhytm foi lançado ontem, no canal da cantora no YouTube Vevo. Até o momento, o vídeo possui mais de 8 milhões de visualizações e tende a crescer. A cantora lançou algumas semanas atrás o lyric video da música. No último dia 12, a canção foi performada ao vivo pela primeira vez na cerimônia do Grammy Awards com a participação de Skip Marley, neto do “pai do reggae”, Bob Marley.

Com letra ativista, Katy usou muito de seu DNA musical para protestar contra a forma de governo do atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. O clipe se passa num parque de diversões e tem uma pegada mesclada no retrô e futurista. As cercas (comparadas ao muro a qual Donald Trump disse que construiria na divisa com o México, caso fosse eleito) voltaram a aparecer e dessa vez, catapultas foram usadas para mostrar imigrantes pulando a cerca para adentrarem em solo americano.

A youtuber Cintya Sabino, dona do canal que leva o seu nome e ensina aos seu público a falar inglês com dicas e informações úteis para quem deseja aprender o idioma, recebeu de seus seguidores, sugestões para análise do novo clipe de Katy Perry e vale a pena dar uma olhada no vídeo, pois além de entender a letra, entende também o contexto do vídeo.

Vale ressaltar que até o momento, Katy não deu nenhuma entrevista de como surgiu a ideia de escrever a canção ou o roteiro do clipe. E nem precisa, pois como ela, existem outros famosos e anônimos que são contra o atual governo de Trump – vide a Marcha das Mulheres, que se tornou um evento mundial, apartidário, envolveu todas as classes e/ou minorias e englobou artistas e anônimos num só objetivo.

Além de Katy, as atrizes Emma Watson, a eterna Hermione Granger da saga de filmes Harry Potter – e que é feminista assumida -; Uzo Aduba, a intérprete de Suzanne “Crazy Eyes” Warren, da série Orange is the New Black; Meryl Streep (vide seu discurso no Globo de Ouro) e a cantora Madonna que fez um show após a marcha, são exemplos dos artistas que não se esconderam atrás de suas profissões e se uniram a diversos outros manifestantes e pacificamente, expuseram suas indignações.

Assista o clipe de Katy Perry, com direito a letra para aprender a cantar:

Se preferir, veja o lyric video (bem bonitinho por sinal, com direito a um hasmter bem fofinho):

Por fim, assista o vídeo da youtuber Cintya Sabino, que além de aprender inglês, você vai saber mais sobre a canção, com uma análise por estrofe.

 

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here