Não sou da geração que viu “Minduim” crescer; na verdade, sou daquela que, quando nasceu, “Peanuts” já era um enorme sucesso! Difícil não se lembrar da infância quando o assunto é Snoopy e Charlie Brown! Mais difícil ainda é ver Snoopy e Charlie Brown: Peanuts, O Filme (The Peanuts Movie, EUA, 2015) sem ter uma sensação de nostalgia, mas já devo adiantar que a produção também é voltada para as novas gerações.

Todas as características das tirinhas e da animação para TV estão presentes. Snoopy, com seu complexo de Walter Mitty (personagem interpretado por Ben Stiller, no longa A Vida Secreta de Walter Mitty e sua enorme imaginação, é responsável não só pelas cenas mais engraçadas, como também por boa parte da ação, uma vez que enfrenta o Barão Vermelho (referência ao lendário piloto alemão da Primeira Guerra Mundial) em seu avião. Já Charlie é responsável pela parte mais sensível, intimista e romântica da história. Cada personagem continua com suas incríveis personalidades (Patty Pimentinha e Lucy continuam sendo minhas favoritas). Lucy é uma das mais maduras da turma. Com seu jeito questionador e rabugento, é uma personagem naturalmente carismática! Só que, dessa vez. temos uma nova criança na turma: a menina dos cabelos vermelhos, por quem Charlie se apaixona. Por um momento, até pensei que não veríamos a cara dela, só o perfil; mas a garotinha aparece e se mostra, inclusive, bastante perspicaz!

Snoopy e Charlie Brown Peanuts, O Filme
Snoopy e Charlie Brown: Peanuts – O Filme | Imagem: Fox Films

Snoopy e Charlie Brown: Peanuts, O Filme é focado no grande dilema de Charlie Brown ao tentar mudar finalmente sua sorte. Mais do que conseguir fazer uma pipa voar, ele quer ser um vencedor, alguém importante e, para isso, ele tenta de tudo, sempre acabando em desastre! Até que quando ele menos espera, a sorte muda! Paralelamente, temos Snoopy com suas fantásticas histórias, sempre apoiando o amigo!

O longa tem um enredo simples, com boas cenas engraçadas e, apesar de ser mais moderno – afinal temos o 3D e CG –, o diretor Steve Martino (A Era do Gelo 4) conseguiu manter o espírito clássico que remete às tirinhas. Peanuts tem personagens-crianças que carregam, nas entrelinhas, uma abordagem madura, sem perder o tom infantil, e isso é muito bem transmitido no enredo. Qualquer fã mais antigo vai perceber claramente que o longa é quase uma homenagem à sua origem.

Snoopy e Charlie Brown- Peanuts, O Filme
Snoopy e Charlie Brown: Peanuts – O Filme | Imagem: Fox Films

Embora mantenha o tom clássico, nostálgico e até melancólico, certamente o filme atingirá a nova geração. Com a excelente técnica, a animação levará a criançada a dar boas risadas e os adultos se divertirão com as sacadas dos personagens. Enfim, é um longa doce, que fará a nova geração e a antiga saírem do cinema bem mais leves, querendo ver ou rever as histórias de Charles Schulz, o criador.

Veja a ficha técnica e elenco completo de Snoopy e Charlie Brown- Peanuts, O Filme

Quer comentar sobre as produções com pessoas que possuem o mesmo interesse? Entre no nosso grupo do facebook e comece a discussão!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui