quarta-feira, 27, outubro, 2021

Viúva Negra | De vilã a heroína, o dossiê de Natasha Romanoff

Saiba mais sobre uma das mais importantes personagens do universo dos quadrinhos e do Universo Cinematográfico Marvel.

Depois de muita espera, o novo filme da Marvel já chegou para o público! O longa focado na história da personagem Viúva Negra fez sua estreia simultaneamente nos cinemas e no Disney+ no Premier Access no dia 9 de julho, quando os fãs finalmente puderam conhecer mais sobre o passado da vingadora, pouco explorado no MCU até agora.

Leia também: Crítica | Viúva Negra, um filme inteligente e que mantém a aventura

No filme, primeiro da fase quatro do Universo Cinematográfico da Marvel, uma conspiração perigosa ligada ao passado de Natasha Romanoff (Scarlett Johansson) fará com que a heroína enfrente um lado sombrio de sua história. Perseguida por uma força implacável obstinada a derrotá-la, ela terá que lidar com sua antiga vida de espiã e pessoas do seu passado que ela deixou para trás antes de se tornar parte dos Vingadores.

Dirigido por Cate Shortland e produzido por Kevin FeigeViúva Negra conta com um elenco de peso ao lado de Johansson: Florence Pugh, como Yelena Belova; David Harbour, no papel do Guardião Vermelho/Alexei; e Rachel Weisz, que interpreta Melina Vostokoff.

E para aqueles que já conferiram ao longa ou ainda irão, nada melhor do que viajar para o passado para relembrar alguns pontos marcantes da jornada da personagem ao longo dos filmes do MCU e também algumas características importantes de sua personalidade. Ainda mais se ficou perdido em algum ponto após assistir a Viúva Negra. Não contém SPOILERS.

Passado obscuro

Viúva Negra | De vilã a heroína, o dossiê de Natasha Romanoff 1

Justamente por se saber tão pouco sobre o passado da Viúva Negra é que os fãs aguardam ansiosamente para conhecer mais sobre sua história. Ainda quando criança, Natasha foi recrutada pela KGB, serviço secreto da antiga União Soviética, que a transformou em uma grande lutadora e uma de suas principais espiãs. O novo longa explora esse passado, abordando sua jornada de treinamento pelos russos antes de trocar de lado e passar a trabalhar para a S.H.I.E.L.D. Além disso, também apresenta sua antiga “família” de espiões e como ela se separou deles.

Lute como uma heroína!

Viúva Negra | De vilã a heroína, o dossiê de Natasha Romanoff 2

Sem nenhum poder sobre-humano, a força da vingadora vem de suas muitas habilidades como lutadora e seu amplo domínio das artes marciais. Ela foi treinada pelo Programa Viúva Negra da Sala Vermelha, onde foi criada para se tornar uma espiã russa. Lá, destacou-se e logo se tornou uma espiã-mestre e uma das maiores assassinas do mundo — antes de se tornar uma grande defensora das forças que ameaçam a vida na Terra.

Primeira aparição

Viúva Negra | De vilã a heroína, o dossiê de Natasha Romanoff 3

Sua primeira aparição no Universo Cinematográfico da Marvel ocorreu em 2010, em “Homem de Ferro 2“, já como membro da S.H.I.E.L.D. No longa, ela é designada com a missão de se infiltrar nas indústrias Stark como Natalie Rushman, a nova assistente de Tony Stark, e analisar o comportamento do bilionário, que havia acabado de revelar para o mundo sua identidade como Homem de Ferro. Quando o herói encara Ivan Vanko, a presença da futura Viúva Negra é crucial para a jornada do personagem, já que ela o ajuda a derrotar o inimigo na batalha final contra o vilão.

Os dois lados de Natasha

Viúva Negra | De vilã a heroína, o dossiê de Natasha Romanoff 4

Em Vingadores: Era de Ultron, é revelado que, durante o treinamento do Programa Viúva Negra, Natasha foi submetida a uma cerimônia final de esterilização, impedindo-a de ter filhos algum dia. O objetivo era o de impedir que qualquer aspecto de sua vida tirasse o foco de suas missões, já que a personagem foi criada para ser uma pessoa autônoma e sem vínculos emocionais. O que vemos ao longo dos filmes, no entanto, é o contrário: ela se mostra uma ótima team player, sendo peça essencial para a junção dos Vingadores.

Além disso, passamos a conhecer seu lado mais humano, representado por suas relações de amizade e lealdade com aqueles que a ajudaram, como o Capitão América, o Homem de Ferro e, claro, o Gavião Arqueiro, responsável por sua libertação da KGB. Leal ao amigo, ela é quem negocia sua soltura quando ele está sob as mãos de Loki, além de ambos manterem uma relação de confiança, sendo ela a primeira a saber sobre a existência da família do Arqueiro.

Triste despedida [ALERTA SPOILER]

Viúva Negra | De vilã a heroína, o dossiê de Natasha Romanoff 5

Em “Vingadores: Ultimato, Natasha se sacrifica em prol do futuro da humanidade e escolhe dar sua vida no lugar do Gavião Arqueiro, com o objetivo de recuperar a Joia da Alma. Sua decisão foi baseada na empatia com a família do amigo, em uma cena em que ela mostra, mais uma vez, seu lado altruísta citado acima, resultando em um dos momentos mais tristes de todo o MCU.

Artigos Relacionados

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

Instagram

Bombando

Mais vistos da semana

Siga Nossas Redes

Tem conteúdo exclusivo por lá
6,914FãsCurtir
2,958SeguidoresSeguir
4,238SeguidoresSeguir

Recentes

Conteúdo fresquinho

Thunder Fic's

Tudo sobre roteiro
pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave