quinta-feira, 28, outubro, 2021

Crítica: Vizinhos

Sempre que Seth Rogen lança uma comédia nova, as opiniões sobre o filme são tão fielmente divididas que chega a ser engraçado. A maneira cômica que Rogen adota para abordar problemas comuns nem sempre é bem aceita, fazendo com que o público se divida entre “fãs das comédias e atores habituais” versus “fãs de dramas que não gostam de ver problemas apresentados comicamente”.

Vizinhos (Neighbors) não fugiu desse padrão. O longa expõe o problema que a maioria dos casais enfrenta, ter um filho e cair na monotonia, porém, de um modo exclusivamente cômico.

Mac (Rogen) e Kelly (Rose Byrne) recentemente tiveram uma filha e estão com medo de cair na famosa rotina do casamento. Quando a casa vizinha é alugada por uma fraternidade, chefiada por Ted (Zac Efron), o casal logo se preocupa com o barulho, mas rapidamente começa a se divertir com os novos vizinhos. Com a amizade formada, Ted apenas pede para nunca chamem a polícia em caso de exagerarem no barulho, basta reclamar diretamente com ele e tudo será resolvido. É claro que a fraternidade já extrapola no barulho logo no dia seguinte, e com Ted inalcançável, o casal acabando chamando a polícia e isso revolta Ted, que agora faz de tudo para se vingar. 

Vizinhos
Vizinhos | Imagem: Universal Pictures

Então começa uma pseudo batalha onde diversas peças são pregadas, oscilando entre momentos engraçados e alguns forçados. Como geralmente ocorre nas produções de Seth Rogen, há uma enorme quantidade de referências que são o verdadeiro ponto alto da comédia. Com um longo histórico de comédias, Rogen ganha uma certa liberdade para colocar piadas mais baixas e até mesmo menções a personalidades sem sofrer consequências e isso se torna aceitável para quem acompanha seu trabalho durante um tempo.

Entretanto, o roteiro não é apenas uma junção de várias piadas, possui uma base bem fundada e uma mensagem interessante. Tratando de amadurecimento e relatando uma situação bem típica, tão comum, que acaba sendo extremamente justificável. Com exceção de alguns momentos onde há a tentativa que colocar um drama não tão convincente, já que tentam afetar uma relação tão bem fundada que acaba não convencendo.

Vizinhos
Vizinhos | Imagem: Universal Pictures

Com muitas referências, Zac Efron constantemente sem camisa e questões bem relatadas, Vizinhos é um filme divertido sem ser vazio. Certamente terá sua parcela de críticas negativas, mas os que conseguem apenas se divertir e entender a mensagem por trás de todas essas piadas, sem dúvidas irá gostar muito dessa produção.

Veja a ficha técnica e elenco completo de Vizinhos

Nota do Thunder Wave
Relatando problemas com amadurecimento com muito humor, o filme consegue divertir sem ser vazio.

Artigos Relacionados

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por Favor insira seu nome aqui

Instagram

Bombando

Mais vistos da semana

Siga Nossas Redes

Tem conteúdo exclusivo por lá
6,914FãsCurtir
2,957SeguidoresSeguir
4,238SeguidoresSeguir

Recentes

Conteúdo fresquinho

Thunder Fic's

Tudo sobre roteiro
pt_BRPT_BR
Thunder Wave-Filmes, Séries, Quadrinhos, Livros e Games Thunder Wave